Notícias

Canários-peruanos apreendidos no MS

Pela terceira vez em oito meses, espécie utilizada em rinhas de aves é encontrada em blitz nas estradas do estado.

Fábio Pellegrini ·
5 de maio de 2011 · 13 anos atrás
Crédito:  PMA-MS
Crédito: PMA-MS
Campo Grande (MS) – Pela terceira vez em oito meses autoridades policiais realizam apreensão de canários peruanos em Mato Grosso do Sul, fatos que indicam rodovias do Estado como rotas para o contrabando de animais.

A apreensão, ocorrida na tarde de quarta-feira (4) foi feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município de Água Clara, na BR-262, que liga Corumbá, na fronteira oeste do Estado com a Bolívia, a Três Lagoas, divisa com o Estado de São Paulo (ao leste). São 1.005 canários peruanos que estavam em um Fiat Palio , de Brasília, conduzido por um homem de 43 anos, residente em Pedra Branca (CE). Ele alegou aos policiais que havia pego as aves em Campo Grande e as levaria para Brasília.

O homem afirmou ainda que não conhecia a pessoa que o entregou as aves e que os contatos comerciais foram feitos por telefone. Com o traficante havia mais três pessoas, porém, ele assumiu toda a responsabilidade pelo tráfico, inclusive, afirmou ter pago R$ 10.000,00 pelos animais.

Os canários exóticos foram encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande. O acusado foi autuado administrativamente e multado em R$ 502.500,00. Ele ainda responderá por crime ambiental e poderá ser condenado a seis meses a um ano de detenção.

A PMA informa que tudo indica esses canários saem do Peru e Bolívia e são levados principalmente para Brasília e para a região Nordeste do país para serem utilizados em rinhas. Em fevereiro também foram apreendidos 1005 e em setembro do ano passado 1236.
Fabio Pellegrini

Crédito:  PMA-MS
Crédito: PMA-MS
Crédito:  PMA-MS
Crédito: PMA-MS

{iarelatednews articleid=”24799″}

Leia também

Salada Verde
21 de junho de 2024

Postura de Mauro Mendes faz ICV finalizar parceira em projeto ambiental em MT

Organização cita falta de comprometimento do governador com pautas ambientais no estado. Projeto era voltado ao enfrentamento da crise climática

Notícias
21 de junho de 2024

Queimadas explodem em cinco dos seis biomas brasileiros

Número de focos registrados em grande parte do Brasil nos primeiros meses de 2024 está acima da média para o período. Pantanal segue em situação emergencial

Reportagens
21 de junho de 2024

Como um dos últimos redutos da onça-pintada no sul do Brasil deu forma a um romance

Parque do Turvo influenciou a escritora Morgana Kretzmann, que narra o cotidiano de uma guarda-florestal contra caçadores e poderosos

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comentários 3

  1. Érico Campos diz:

    O IMA instituto do meio ambiente autoriza a criação de canário da terra peruano aqui no Brasil


  2. ARILDO JOSÉ GOBETTI diz:

    Canário da Terra aqui no Brasil ou em qualquer outro País, é canário da terra. Uma apreensão de tamanha proporção dessas aves, como ocorreu, seria uma boa oportunidade de repovoar nosso País com canários de boa qualidade e postura. Nossos canários outrora já foram exatamente como os Peruano e Venezuelanos, em termos de tamanho, cores e raça. O que ocorreu, foi o desmatamento indiscriminado com a destruição de seus habitats, bem como, a caça indiscriminada dessa espécie, que deixaram somente aves de pequeno porte soltos os quais não interessavam aos caçadores. Após quarentena, poderiam serem soltos no Nordeste, no Centro oeste, no Noroeste e no Sul, onde existem canários nativos que certamente seriam melhorados com a cruza dos estrangeiros.


    1. Clarival Cruz diz:

      Mais Canário Peruano não é nosso ? ou seja, não é silvestre, é de outro País (Peru )