Notícias

Jaguatirica, da América Latina até o luxo de NY

A homenageada por ((o))eco nesta semana já jantou em Nova York, teve sua caça proibida no Brasil e escapou da ameaça de extinção. Foto: Spencer Wright

Redação ((o))eco ·
10 de agosto de 2012 · 9 anos atrás
A jaguatirica (Leopardus pardalis) é o animal homenageado por ((o))eco esta semana. Encontrado desde o México até o nordeste da Argentina, é um felino de porte médio, pesando em média 11 kg. Se alimenta de pequenos mamíferos, aves e repteis, mas presas maiores tais como pacas e tatus são vitais para a subsistência da espécie em uma região.

Salvador Dali domesticou uma jaguatirica. Ela se chamava Babou e o pintor espanhol a levava para restaurantes de luxo em Nova York. Até 1996, a espécie era considerada vulnerável pela IUCN, mas a caça de Jaguatiricas foi proibida em diversos países, inclusive o Brasil. Atualmente, é categorizada como menos preocupante (LC) na lista vermelha da IUCN. Foto: Spencer Wright

Leia também

Notícias
2 de dezembro de 2021

Lideranças indígenas do Pará cedem à pressão de invasores e aceitam reduzir seu território pela metade

Caciques da TI Apyterewa disseram ao STF que, em “acordo” feito com invasores, aceitam redução de 392 mil hectares de suas terras

Notícias
2 de dezembro de 2021

Com maioria no Conama, governo federal impõe mudanças no CNEA

Conama aprova alterações no Cadastro Nacional de Entidades Ambientalistas e impõe mais burocracia e custos para a participação da sociedade civil no conselho

Reportagens
2 de dezembro de 2021

Secas recorrentes afetam a capacidade de recuperação da Floresta Amazônica, alerta estudo

Nas últimas duas décadas, a Floresta Amazônica tem sido impactada por secas cada vez mais intensas e frequentes. As mais severas ocorreram em 2005, 2010 e 2015

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta