Reportagens

Dia 04 – 05 de Setembro de 2007

Passado o susto na eclusagem ontem, acordamos as 6:30 am e logo vimos um senhor que veio curioso olhar o veleiro. Sr. Eliseu é o proprietário da...

Laury Cullen · Fernando Lima ·
9 de setembro de 2007 · 17 anos atrás

Passado o susto na eclusagem ontem, acordamos as 6:30 am e logo vimos um senhor que veio curioso olhar o veleiro. Sr. Eliseu é o proprietário da casa em frente a qual aportamos na noite anterior. Estávamos preocupados com as linhas de alta tensão da CESP que cruzam sobre o Rio, logo abaixo de Porto Primavera. Se houvesse a posssibilidade de serem baixas e algum risco de tocar o mastro, iriamos deixar para montá-lo após ter passado o perigo. Sr. Eliseu nos tranquilizou:- Vixi! Passa sossegado!

Saindo de temas por demasiados polêmicos e complexos para serem tratados aqui e voltando a viagem per si: Ao longo do percurso passamos, sem parar, por Porto São José onde fomos festejados pela molecada nos barrancos que gritava em coro “Pára aqui… Pára aqui….”. Provavelmente somos o primeiro barco a vela que avistaram sangrando as águas do Paraná naquela região, o que é confirmado por velhos pescadores da região. As 15:00 hs aportamos em Porto Rico, onde também arregalamos os olhos de alguns moradores locais. Aportamos e logo estávamos saboreando uma porção de Tilápia frita no Restaurante Beira Rio, afinal ninguém é de ferro, e avistando a ilha com uma praia de areia logo a frente, onde seria nosso pernoite. As 17:00 velejamos até a ilha ainda com vento leste, e presenteamos a proa do Passárgada com uma encalhada planejada na ilha. Logo saltamos e saimos a caminhar explorando o local. À noite, improvisamos uma grelha na areia e nosso jantar foi linguiça assada … empanada com a areia que caiu e arroz. Logo em seguida, ligamos o gerador para alimentar os notebooks e preparamos nosso texto diário. Dormimos vendo, entre o mosquiteiro do Passárgada, estrelas cadentes despecando pelo céu.

  • Laury Cullen

    Engenheiro Florestal formado pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz

Leia também

Salada Verde
24 de maio de 2024

Comissão da Câmara aprova projeto que aumenta pena para crime ambiental na Amazônia

Proposta também inclui penalização de servidores e agentes públicos que se omitirem diante de tais crimes. Ascema vai avaliar conteúdo do texto

Notícias
24 de maio de 2024

Desastres ambientais afetaram 418 milhões de brasileiros em 94% das cidades, diz estudo

Levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) mostra que cada brasileiro enfrentou, em média, mais de duas situações de desastre entre 2013 e 2023

Salada Verde
24 de maio de 2024

A despedida da flor-de-maio 

A bela floração dessa espécie endêmica da Mata Atlântica dura de 15 a 20 dias e ocorre somente uma vez por ano

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.