Salada Verde

Fórum Mundial da Água: metas serão levadas a Rio+20

Assinado acordo entre 140 países com objetivo de aumentar acesso à água potável, saneamento básico e de promover o uso inteligente da água.

Daniele Bragança ·
20 de março de 2012 · 12 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Parlamentares brasileiros assinaram termo prometendo votar leis que protejam as recursos hídricos do país. Foto: Assessoria CNA
Parlamentares brasileiros assinaram termo prometendo votar leis que protejam as recursos hídricos do país. Foto: Assessoria CNA
A delegação brasileira, presidida pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, foi a maior do evento, com cerca de 250 brasileiros entre empresas, parlamentares, representantes do governo e ongs. Todas as empresas administradoras de hidrelétricas estiveram presentes no fórum, como a concessionária Santo Antônio Energia, responsável pela usina hidrelétrica de Santo Antônio, no rio Madeira, e representantes das empresas Eletrobras, Furnas, Cemig, entre outras. Segundo informa da Agência Nacional das Águas, a forte presença do Brasil reforçou a posição do país sediar o 8º Fórum Mundial da Água, em 2018. O destino do 7º Fórum já está escolhido: será na Coréia do Sul, em 2015.

  • Daniele Bragança

    Repórter e editora do site ((o))eco, especializada na cobertura de legislação e política ambiental.

Leia também

Salada Verde
14 de junho de 2024

Filhote de onça-pintada é registrado no Parque Nacional do Iguaçu

Novo filhote, batizado de Yasú, que significa "amor", em Tupi, tem pouco mais de um ano de vida

Análises
14 de junho de 2024

Riscos vão muito além da privatização das praias

A zona costeira está sendo estreitada, aprisionada entre o processo de elevação do nível do mar e de ocupação que impede que a linha de costa se mova para se ajustar à nova realidade imposta pelas mudanças climáticas

Notícias
14 de junho de 2024

Introdução de peixe amazônico em reservatório paulista diminuiu diversidade de espécies nativas

Desde que foi registrada pela primeira vez na represa do Jaguari, em 2001, a corvina (Plagioscion squamosissimus) estabeleceu e aumentou sua população na bacia do Paraíba do Sul em detrimento da fauna local

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.