Salada Verde

Manchas de óleo chegam às praias de Boipeba e Morro São Paulo, na Bahia

Mais de 1,5 tonelada de resíduos foram retirados das Praias Segunda e Terceira, um dos principais pontos turísticos da região. Governo Federal reconhece situação de emergência do estado

Sabrina Rodrigues ·
22 de outubro de 2019 · 3 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Mais de 1,5 tonelada de óleo foi retirado das praias Segunda e Terceira, em Morro de São Paulo, no município de Cairu. Foto: Prefeitura de Cairu/Divulgação.

As manchas de petróleo cru que contaminam o litoral do Nordeste apareceram na madrugada desta terça-feira (22) no município de Cairu, no sul da Bahia, atingindo alguns dos pontos turísticos mais importantes do estado: as praias do distrito do Morro de São Paulo, de Boipeba e de Garapuá. A prefeitura interditou os locais para limpeza das praias e o acesso já foi liberado. 

Mais de 1,5 tonelada de petróleo foi retirado pelas equipes de limpeza. 

As praias mais atingidas foram Segunda e Terceira, no Morro de São Paulo, a praia de Cueira, em Boipeba e a Ponta do Quadro, em Garapuá, todas em Cairu. Segundo a prefeitura, a mancha apareceu por volta das 2h da manhã, no Morro de São Paulo e se espalhou. 

O município-arquipélago aguarda a avaliação dos órgãos estaduais responsáveis para recomendação de banho de mar no local. 

União reconhece situação de emergência em 6 municípios baianos

O Governo Federal reconheceu a situação de emergência de seis cidades baianas. São elas: Camaçari, Conde, Entre Rios, Esplanada, Jandaíra e Lauro de Freitas. O reconhecimento, assinado pelo Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, veio quase uma semana depois do estado da Bahia ter declarado a situação por causa das manchas de óleo. A portaria de reconhecimento foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (22).

Agora, com a oficialização, o estado da Bahia poderá pedir à União envio de recursos federais. “Os pedidos de reconhecimento federal de situação de emergência serão tratados com a maior urgência possível para que os municípios possam ter acesso a recursos da União. O objetivo do Governo Federal é que a limpeza das praias ocorra o mais rápido. Não podemos deixar que esse desastre impacte as reservas naturais, o turismo e a economia da região”, afirmou o ministro do Ministério Desenvolvimento Regional (MDR), Gustavo Canuto. 

Também foi autorizado o repasse de R$ 2,5 milhões para Sergipe, que no começo do mês decretou situação de emergência e que foi à Justiça pedindo o bloqueio de mais de R$ 289 milhões da conta única da União para custear a limpeza de óleo no litoral. O reconhecimento da situação de emergência de Sergipe veio no dia 15 de outubro, através da Portaria  Nº 2.426. Com a medida, as cidades de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Brejo Grande, Estância, Itaporanga D`Ajuda, Pacatuba e Pirambu poderão solicitar apoio federal à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) para ações emergenciais. 

 

Leia Também

Governo da Bahia decreta situação de emergência por causa de manchas de óleo

Sergipe decreta situação de emergência depois de mancha de óleo atingir 10 praias

Sergipe vai à Justiça para União custear limpeza de praia

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Notícias
16 de outubro de 2019

Sergipe vai à Justiça para União custear limpeza de praia

Governo do estado pede bloqueio de mais de R$ 289 milhões para limpeza do litoral. Justiça determina proteção dos rios São Francisco, Japaratuba, Sergipe, Vaza-Barris e Real

Notícias
7 de outubro de 2019

Sergipe decreta situação de emergência depois de mancha de óleo atingir 10 praias

Até o momento são 132 praias atingidas por petróleo nos nove estados do Nordeste, espalhados em 61 municípios. Causas ainda estão sendo investigadas

Salada Verde
16 de outubro de 2019

Governo da Bahia decreta situação de emergência por causa de manchas de óleo

Com decreto emergencial publicado na terça-feira (15), serão liberados recursos para os municípios de Camaçari, Conde, Entre Rios, Esplanada, Jandaíra, Lauro de Freitas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta