Notícias

Pico do Jaraguá vira ponto de cicloturismo em São Paulo

Cada vez mais ciclistas sobem o Pico do Jaraguá, atraídos pela mata atlântica preservada, pelo desafio da subida contínua de mais de 4,5 km e pela vista mais alta da região metropolitana de São Paulo.

Daniel Santini ·
11 de julho de 2011 · 13 anos atrás
O Pico do Jaraguá, ponto mais alto da região metropolitana de São Paulo, tem sido cada vez mais procurado como destino para passeios de bicicleta nos fins de semana por moradores capital. A mata atlântica preservada no Parque Estadual do Jaraguá, onde está localizado o pico de 1.135 metros de altitude, e a vista da cidade tem atraído diversos grupos de ciclistas ao local.

 

 

O roteiro inclui uma subida contínua de mais de 4,5 km e exige bom preparo físico. Subir é um bom treino. Justamente por isso, o Pico do Jaraguá atrai atletas e ciclistas em preparação para viagens mais longas.

 

 

O acesso a estrada que leva ao topo do pico pode ser feito a partir da Rodovia Anhanguera – veja algumas opções de rota no bikemap.net

 

 

De acordo com a SPTuris, o parque urbano foi criado em em 1961 e tombado como patrimônio da humanidade pela Unesco em 1994. Do alto é possível avistar boa parte da cidade.

 

 

No topo, a mata que protege o pico torna o ar mais limpo e fresco. É possível avistar animais silvestres.

 

 

Se você for de carro, diminua a velocidade durante a subida e a descida e lembre-se que há ciclistas pedalando no local. O artigo 201 do Código Brasileiro de Trânsito determina que deve ser observada a distância mínima de 1,5 metros ao ultrapassar ciclistas. De bike, vale ficar atento durante as curvas, tomar cuidado no embalo da descida e respirar fundo pedalando no meio da mata.

 

Todas as fotos são do incansável Marcelo Assumpção, que acompanhou a reportagem de ((o)) eco Bicicletas na subida.

  • Daniel Santini

    Responsável pela plataforma ((o)) eco Data. Especialista em jornalismo internacional, foi um dos organizadores da expedição c...

Leia também

Salada Verde
22 de abril de 2024

Livro destaca iniciativas socioambientais na Mata Atlântica de São Paulo

A publicação traz resultados do Projeto Conexão Mata Atlântica em São Paulo, voltados para compatibilização de práticas agropecuárias com a conservação da natureza

Salada Verde
22 de abril de 2024

Barcarena (PA) é o primeiro município a trabalhar a cultura oceânica em 100% da rede pública de ensino

Programa Escola Azul incentiva instituições de ensino de todo o país a integrar a rede e implementar cultura oceânica nas escolas. Mais de 290 escolas de todo o Brasil participam do projeto

Reportagens
22 de abril de 2024

Um macaco sem floresta na capital do Amazonas

Símbolo de Manaus, o sauim-de-coleira corre risco de desaparecer da cidade amazônica, ameaçado pelo avanço da urbanização desordenada

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.