Notícias

O sorridente Jacaré-do-pantanal

O jacaré-do-pantanal já esteve quase extinto e foi salvo graças a uma eficiente campanha de preservação. Foto: Manoel Francisco Brito

Duda Menegassi ·
25 de maio de 2012 · 9 anos atrás
A foto do dia que ((o))eco traz hoje, ilustra o jacaré-do-pantanal (Caiman crocodilos yacare), réptil que costuma medir de dois a três metros na sua fase adulta e que, por seus dentes afiados e numerosos, recebeu o apelido de jacaré-piranha. Com a dica no próprio nome, o jacaré-do-pantanal é uma espécie comumente encontrada no Pantanal, mas também ocorre no sul da Bolívia e Paraguai. Seu habitat são áreas como rios, baías ou lagoas, buscando sempre água, em lugares atingidos pela seca, se enterram no barro, esperando pela volta da época das chuvas. Quando a estação das chuvas chega e vários ambientes são alagados, os jacarés se dispersam por um grande perímetro. Sua boca de dentes afiados se alimenta de peixes, moluscos, crustáceos e vertebrados maiores, como capivaras. A fêmea do jacaré-do-pantanal faz seus ninhos em vegetações próximas a rios e põe de 20 a 30 ovos. O período de incubação é de cerca de 70 dias e os ovos são protegidos pela mãe. Essa espécie hoje é classificada como Segura ou Pouco Preocupante (LC), em relação à ameaça de extinção, pela União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), mas é preciso ficar de olho, o jacaré-do-pantanal já esteve quase extinto e foi salvo graças a uma eficiente campanha de preservação. Foto: Manoel Francisco Brito


Leia também

Paraíso de água
  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação e montanhismo. Escreve para ((o))eco desde 2012. Autora do livr...

Leia também

Notícias
19 de outubro de 2021

Adote um Parque ganha nova fase com unidades de conservação da Caatinga

Nova etapa do programa de adoção das UCs criado por Salles terá foco em trilhas e incluirá dez áreas protegidas da Caatinga, entre elas, os parques nacionais da Chapada Diamantina e de Jericoacoara

Notícias
18 de outubro de 2021

Websérie traz o elo entre o ser humano e a natureza do Rio de Janeiro

Personagens que possuem uma conexão especial com a paisagem natural da cidade são apresentados na websérie do documentarista e fotógrafo carioca, Rafael Duarte

Salada Verde
15 de outubro de 2021

GLO ambiental não será renovada, anuncia Mourão

A operação acabou nesta sexta-feira (15). Atuação de militares não resultou em diminuição do desmatamento na Amazônia, mesmo com efetivo e orçamento maiores que dos órgãos ambientais

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta