Notícias

Mudanças climáticas: chuvas alagam florestas na Bolívia

Entre áreas afetadas pelas inundações no país estão zonas cortadas por rios no meio da Amazônia. Por conta das enchentes, 44 morreram

Redação ((o))eco ·
6 de fevereiro de 2014 · 8 anos atrás

As chuvas que fizeram o Governo da Bolívia decretar estado de emergência na semana passada se agravaram e provocaram graves problemas em diferentes regiões do país. Entre as áreas mais atingidas estão o distrito de Beni, na Amazônia boliviana, com graves impactos em zonas florestais e em áreas de pecuária e agricultura. As precipitações têm ligação com variações climáticas que afetam diferentes zonas da América do Sul.

Ao anunciar que 2013 foi um dos dez anos mais quentes desde que o monitoramento da temperatura começou (leia informe em inglês), a Organização Meteorológica Mundial anunciou a previsão de variações mais extremas de temperatura, com precipitações intensas e inundações em algumas regiões, e secas prolongadas e outras. 

 

Leia também:
Bolívia: nova reserva de área úmida com 7 milhões de hectares
Incêndios põem Bolívia entre países com maior desmatamento
Queimadas voltam a afetar municípios da Amazônia boliviana

 

 

 

Leia também

Salada Verde
24 de novembro de 2021

Adiada votação do PL que proíbe uso de arma de fogo por fiscais ambientais

Relator pede rejeição da proposição. Projeto resgata proposta do então deputado Jair Bolsonaro de tirar o porte de fiscais ambientais

Reportagens
23 de novembro de 2021

STJ reitera proibição de licenciamento de empreendimentos na APA de Maricá

Pescadores artesanais da Vila Zacarias protestam contra construção de resort em área de restinga, após reunião com integrantes da Defensoria Pública

Reportagens
23 de novembro de 2021

Lei do Mar propõe marco regulatório para gestão do bioma marinho-costeiro

Proposta traz princípios norteadores e cardápio de estratégias para uso e conservação do mar. Atualmente, a gestão do bioma acontece de forma fragmentada

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta