Notícias

Vídeo destaca a importância das UCs marinhas

Material foi produzido por alunos do curso de Comunicação Visual Design da UFRJ, em parceria com o Projeto Coral Vivo. Confira!

Redação ((o))eco ·
14 de maio de 2014 · 10 anos atrás

Acima, Reserva Biológica Marinha do Arvoredo, em Santa Catarina, criada para proteger o ambiente marinho e suas espécies. Foto: wikipédia
Acima, Reserva Biológica Marinha do Arvoredo, em Santa Catarina, criada para proteger o ambiente marinho e suas espécies. Foto: wikipédia

Por falta de informação, a criação de unidades de conservação marinha é visto por alguns como empecilho ao desenvolvimento da pesca, uma importante atividade econômica. O que essas pessoas não sabem é o papel chave destas áreas para a reprodução dos peixes, inclusive na reposição do estoque das espécies mais consumidas.

Este efeito é conhecido como Spillover, que significa transbordamento: as populações de peixes localizadas nas áreas protegidas marinhas crescem e migram para as áreas adjacentes, onde os pescadores podem pescá-los livremente. Logo, os pescadores são beneficiados pela criação de áreas protegidas marinhas.

O Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, o Parque Estadual Marinho do Aventureiro e o recém-criado Parque Nacional Marinho das Ilhas dos Currais são alguns exemplos de áreas protegidas marinhas. Saiba mais sobre elas e outras unidades de conservação no WikiParques.

Com quase 2 minutos, o vídeo “Entre na onda”, produzido pelos alunos Bianca Werneck Martiniano e Mário Henrique Cruz Martins, do curso de Comunicação Visual Design da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), apresenta esse e outros conceitos. Confira.

 

 

Leia Também
Dia mundial dos oceanos: Nos vemos em 2015
Pesca predatória é flagrada nas Ilhas Cagarras
Estudo mostra importância de mangues para pesca

 

 

 

Leia também

Notícias
12 de julho de 2024

Aprovado, PL do hidrogênio abre brechas para alta emissão de carbono, alertam ONGs

Nota da Coalizão Energia Limpa e do Observatório do Clima critica aumento do limite de emissões e risco de utilização de combustíveis fósseis na produção do hidrogênio; projeto vai à sanção

Notícias
12 de julho de 2024

Rios amazônicos recebem 182 mil toneladas de plástico por ano

Bacia Amazônica já é a segunda bacia hidrográfica mais poluída do mundo, alertam pesquisadores

Salada Verde
12 de julho de 2024

Indígenas se reúnem para discutir restauração ecológica

Técnicas desses povos para recuperar ambientes naturais podem ser incorporadas em políticas públicas nacionais

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.