Notícias

Atum-rabilho: caiu na rede, está em extinção

Um dos maiores predadores dos mares atlânticos corre o risco de desaparecer. A sobrepesca reduziu a população mundial da espécie pela metade.

Redação ((o))eco ·
28 de novembro de 2014 · 9 anos atrás

Cardume de atuns-rabilho ([i]Thunnus thynnus[/i]). Foto:
Cardume de atuns-rabilho ([i]Thunnus thynnus[/i]). Foto:

O atum-rabilho (Thunnus thynnus) é o maior dos peixes tunídeos (atuns), capaz de atingir até 3 metros de comprimento e 650 kg. Encontrado em todo Atlântico ocidental, o atum-rabilho é uma iguaria muito apreciada na culinária asiática e um único peixe pode atingir altos preços no mercado. Isto impulsionou a pesca que, dos anos 60 até hoje, foi responsável pelo declínio global da população em 51%. Apesar dos esforços de conservação ao longo da área de ocorrência do peixe, esta sobrepesca (aliada à pesca ilegal onde há proibição) ainda é a maior ameaça à espécie, que desaparece rapidamente nas redes e armadilhas. Por esta razão, a Lista Vermelha da IUCN considera o rabilho ‘Em Perigo‘ de extinção.

 

 

Leia Também
Deixe o panda-vermelho em paz
Os preciosos golfinhos-de-hector
O leopardo-das-neves está numa fria

 

 

 

Leia também

Salada Verde
19 de abril de 2024

Lagoa Misteriosa vira RPPN em Mato Grosso do Sul

ICMBio oficializou a criação da Reserva Particular do Patrimônio Natural Lagoa Misteriosa, destino turístico em Jardim, Mato Grosso do Sul

Salada Verde
19 de abril de 2024

Museu da UFMT lança cartilha sobre aves em português e em xavante

A cartilha Aves do MuHna, do Museu de História Natural do Araguaia, retrata 10 aves de importância cultural para os xavante; lançamento foi em escola de Barra do Garças (MT)

Salada Verde
19 de abril de 2024

ICMBio abre consulta pública para criação de refúgio para sauim-de-coleira

Criação da unidade de conservação próxima a Manaus é considerada fundamental para assegurar o futuro da espécie, que vive apenas numa pequena porção do Amazonas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.