Notícias

Os gigantescos perigos para a tartaruga-de-couro

Uma espécie única de tartaruga encontra nas redes de pesca e na intensa captura de seus ovos, enormes ameaças à sua existência.

Redação ((o))eco ·
5 de dezembro de 2014 · 7 anos atrás

Um filhote de tartaruga-de-couro ([i]Dermochelys coriacea[/i]). Foto:
Um filhote de tartaruga-de-couro ([i]Dermochelys coriacea[/i]). Foto:

A tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea) é a maior de todas as tartarugas marinhas, com tamanho médio em torno de 2m de comprimento e 700 kg de peso. Espécie única do gênero Dermochelys, seu casco tem aparência e textura semelhantes ao couro, em vez da dura carapaça óssea das demais tartarugas. Ela é encontrada em todo o planeta, com sete subpopulações espalhadas pelos oceanos Índico, Pacífico e Atlântico. Apesar de extensa distribuição, o número de tartarugas de couro foi reduzido drasticamente no século passado em razão da intensa coleta de ovos para comércio e subsistência (principalmente no Sudeste Asiático) e a captura incidental na pessca. De acordo com a IUCN, em uma escala global, a tartaruga-de-couro está listado como Vulnerável à extinção, mas muitas subpopulações (como as que habitam o Pacífico e o Atlântico Sudeste) estão Criticamente em Perigo.

 

 

Leia Também
Atum-rabilho: caiu na rede, está em extinção
Deixe o panda-vermelho em paz
Os preciosos golfinhos-de-hector

 

 

 

 

Leia também

Notícias
12 de maio de 2022

Uma chance de ver o mico-leão-dourado na natureza

Parque Ecológico Mico-Leão-Dourado será inaugurado neste sábado (14) em Silva Jardim (RJ). Quase extinto na década de 1970, espécie sobreviveu após intenso trabalho de conservação

Reportagens
12 de maio de 2022

Ampliação de complexo viário ameaça um dos últimos fragmentos florestais urbanos em Manaus

O bairro Tarumã abriga mais de 35 etnias indígenas, e inclui a APA Tarumã/Ponta Negra e a Área de Preservação Permanente da Cachoeira Alta do Tarumã, ambas ameaçadas por obras do Governo do Amazonas

Notícias
12 de maio de 2022

MPF pede com urgência nova vistoria de girafas importadas pelo BioParque

Requisição foi feita ao Inea-RJ para verificar condições de saúde, acomodação e bem-estar dos animais, que permanecem em resort em Mangaratiba

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta