Notícias

Árvore ameaçada descoberta em Camarões ganha homenagem à DiCaprio

A espécie, nomeada Uvariopsis dicaprio, foi descoberta na Floresta de Ebo, em Camarões, a partir de um único indivíduo e já é considerada criticamente ameaçada de extinção

Duda Menegassi ·
10 de janeiro de 2022

A Floresta de Ebo, localizada na região litorânea de Camarões, é um dos maiores refúgios naturais no país africano. Por lá, já foram descritas 68 espécies de plantas ameaçadas. A mais nova delas, descrita na última semana, ganhou nome de celebridade: a Uvariopsis dicaprio, uma homenagem ao ator de Hollywood, Leonardo DiCaprio. A espécie, uma árvore de floresta tropical que pode chegar a 4 metros de altura, ocorre apenas na Floresta de Ebo. Até o momento, os cientistas conhecem apenas um único indivíduo da espécie, o que fez a espécie ganhar o status de criticamente ameaçada de extinção.

A descrição da nova espécie, feita a partir deste único indivíduo conhecido, foi publicada no periódico científico aberto PeerJ, na última quinta-feira (6), e é assinada por sete cientistas.

A solitária U. dicaprio possui uma floração de flores amarelas vistosas que nascem do seu tronco esguio. No indivíduo estudado foram observadas apenas flores masculinas. Apesar de pesquisas botânicas serem feitas quase anualmente na Floresta de Ebo nos últimos 15 anos, a árvore “hollywoodiana” ainda não foi vista em nenhum outro lugar dos 2.000 km² da floresta. Os pesquisadores acreditam que ainda que seja provável que a espécie possua outros indivíduos em Ebo, não há dúvidas sobre sua distribuição restrita. A estimativa é que a planta tenha uma área de ocorrência de apenas 4 km².

Pressões para ceder a Floresta de Ebo à exploração madeireira aumentam ainda mais o risco da U. dicaprio – e outras que só ocorrem na região – desaparecerem. Uma proposta de concessão da floresta à madeireiras foi suspensa em agosto de 2020. Na época, o ator e ativista ambiental Leonardo DiCaprio foi um dos que se posicionou em defesa da Floresta de Ebo, o que rendeu a atual homenagem dos botânicos.

“Entretanto, o habitat florestal desta espécie permanece desprotegido e as ameaças de extração de madeira e conversão do habitat em plantações permanecem, e a mineração também é uma ameaça. Uvariopsis dicaprio é, portanto, aqui avaliado como Criticamente Ameaçado”, destacam os cientistas no artigo.

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação, montanhismo e divulgação científica. Escreve para ((o))eco des...

Leia também

Notícias
12 de maio de 2021

Pesquisadores descrevem duas novas espécies de plantas em parque mineiro

Estudo realizou um levantamento de flora no Parque Estadual da Serra do Brigadeiro, na Zona da Mata mineira, e identificou duas novas espécies e três registros inéditos ao parque

Notícias
4 de janeiro de 2022

Pesquisadores descobrem espécie rara de maracujá das montanhas

O maracujá-das-pedras ocorre em uma área restrita nas montanhas entre Minas Gerais e Espírito Santo, fora de áreas protegidas, e os cientistas já alertam para o risco de extinção

Reportagens
8 de fevereiro de 2021

Duas em cada cinco espécies de planta podem estar ameaçadas de extinção

Relatório conduzido por pesquisadores de 42 países revela a gravidade do estado de conservação de plantas e fungos em todo o planeta

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Virginia Almeida diz:

    Muito interessante, parabéns a todos os envolvidos na descoberta e que lutam pela preservação!!!