Notícias

ICMBio abre processo seletivo para contratar gerente regional do Nordeste

Chefia da Gerência Regional do ICMBio no Nordeste está vaga desde o início de março. Inscrições vão até o dia 22 de abril e resultado sai apenas em junho

Duda Menegassi ·
5 de abril de 2022

Ao invés das típicas nomeações de cargos comissionados, feitas direto em Diário Oficial por ordem da diretoria, dessa vez o ICMBio abriu um processo seletivo para eleger o próximo Gerente Regional do Nordeste. De vaga única, a chamada foi feita através de uma postagem no perfil oficial do órgão ambiental no Instagram na noite desta segunda-feira (04). A chamada não constava nos perfis do ICMBio no Facebook e no Twitter até o fechamento deste texto. As inscrições vão até o dia 22 de abril.

A vaga é destinada “a profissionais sem vínculo com a administração e pessoas servidoras públicas de qualquer das esferas e Poderes, com pós-graduação em nível de especialização, que tenham disponibilidade para residir em Cabedelo”, município no estado da Paraíba onde fica a sede da Gerência Regional. A remuneração mensal é de R$10.373,30 com direito a auxílio moradia caso a pessoa resida fora de Cabedelo.

Entre os pré-requisitos obrigatórios estão pós-graduação em área correlata à gestão ambiental e experiência profissional de, no mínimo, 3 anos “em gestão ambiental, organizacional e estratégica afetas à execução das políticas nacionais de meio ambiente; e gestão administrativa; e liderança de equipes”. Estas exigências de currículo provavelmente eliminariam todos os três chefes que a gerência do Nordeste (GR-2) já teve desde que foi criada, em 2020, durante a reestruturação do ICMBio promovida na gestão do ex-ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Os três antigos ocupantes do cargo de gerente eram militares da reserva do Corpo de Bombeiros, todos eles nomeados diretamente do gabinete de Salles.

O último deles, o tenente-coronel do Distrito Federal, Paulo Arthur Santa Cruz dos Santos, assumiu o cargo em outubro de 2020. No dia 8 de março deste ano, o atual ministro, Joaquim Leite, assinou a ida do militar para comandar outra Gerência Regional, a do Centro-Oeste (GR-3). Desde então, o cargo de chefia no Nordeste está vago.

De acordo com o cronograma do processo seletivo, que inclui avaliação curricular e entrevista técnica, o resultado final da seleção será divulgado apenas no dia 3 de junho de 2022. O processo seletivo será conduzido pelo Enap, acesse o link e veja o regulamento ou faça sua inscrição.

As Gerências Regionais foram oficializadas em maio de 2020 no ICMBio, uma para cada região do Brasil, em substituição ao modelo anterior de Coordenações Regionais, que eram 11 e ficavam distribuídas pelo território de forma estratégica de acordo com a existência das unidades de conservação.

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação, montanhismo e divulgação científica. Escreve para ((o))eco des...

Leia também

Reportagens
12 de maio de 2020

Nanico e militarizado, reestruturação do ICMBio entra em vigor

Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade terá apenas uma gerência em cada região do país e concentrará cargos em núcleos de gestão integrada

Salada Verde
10 de novembro de 2021

Simanovic assume presidência do ICMBio

Marcos Castro Simanovic é o quarto presidente (e terceiro coronel seguido) a assumir a presidência do ICMBio desde que teve início o governo Bolsonaro

Salada Verde
29 de março de 2022

ICMBio divulga resultado do concurso

Concurso irá incorporar 171 novos servidores ao instituto, a maior parte deles com lotação no estado do Pará

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta