Reportagens

O plano Al Gore

Com negociação da Conferência do Clima na reta final, EUA e União Európeia não se entendem sobre meta de redução de emissões. Mas Al Gore acha que há solução para o impasse.

Redação ((o))eco ·
13 de dezembro de 2007 · 16 anos atrás
Na realidade, Al Gore foi mais longe em suas recomendações para os negociadores. Em vez de esperarem pela implementação de novas medidas só em 2013, após o termino da primeira fase do protocolo, o Nobel da Paz sugeriu (com toda a dramaticidade que o caracteriza) que as novas metas de redução de gases de efeito estufa entrem em vigor já em 2010. É uma proposta bastante ousada para a diplomacia do clima, que caminha a passos de tartaruga. Mas nas palavras de Gore, o aquecimento não deve ser tratado como um problema político, mas sim moral. “A vontade política é um recurso renovável”, concluiu.

Leia também

Salada Verde
23 de fevereiro de 2024

Justiça Federal impõe mais de R$ 316 milhões em indenizações por desmatamento ilegal

Infrações ambientais foram identificadas pelo MPF por meio do Amazônia Protege, projeto que utiliza monitoramento por satélite para responsabilizar os atores dos desmatamentos ilegais

Notícias
23 de fevereiro de 2024

MPF no Acre arquiva denúncia da CPI das ONGs contra servidores do ICMBio

Servidores do órgão foram acusados de abusos contra moradores da Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre; para procurador, acusações são “genéricas e sem fato concreto”

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Antas “avisam” pesquisadores sobre contaminação humana por agrotóxicos no MS

Além de agrotóxicos como glifosato, moradores do sudeste do estado também apresentaram altos índices de metais no corpo. Antas atuaram como sentinelas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.