Salada Verde

O asfalto está chegando no Jalapão

Região do Tocantins com terreno arenoso e de difícil acesso vai ganhar estrada parque com sinalização especial para atrações turísticas.

Redação ((o))eco ·
14 de março de 2011 · 13 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
As dunas e as chapadas: paisagens do Parque Estadual do Jalapão, no Tocantins (Foto: Agência Rota da Iguana)
As dunas e as chapadas: paisagens do Parque Estadual do Jalapão, no Tocantins (Foto: Agência Rota da Iguana)
Conhecido pelo seu terreno arenoso e de difícil acesso, o Jalapão, no estado do Tocantins, vai ficar menos inóspito nos próximos anos com a construção da Estrada Parque, conforme anunciou a Secretaria de Infrastrutura do Estado do Tocantins, na última semana.

Através de convênio com o Ministério do Turismo, o governo irá asfaltar um trecho de 136 quilômetros, entre os municípios de Novo Acordo e São Félix. De acordo com secretário de Infraestrutura, Alexandre Ubaldo, a rodovia terá características especiais, com sinalização apropriada para atender aos turistas.

Ubaldo disse ainda que as obras depende apenas da liberação do licenciamento ambiental pelo Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins. “Assim que órgão expedir a documentação, iniciaremos de imediato a obra”, frisou o Secretário.

De acordo com informações da secretaria de Infraestrutura, a obra será construída por duas empresas distintas dividas em dois lotes, o primeiro que vai de Novo Acordo ao km 63 terá investimentos da ordem R$ 65 milhões, com contrapartida de 10% do Estado. Já o segundo trecho que vai do km 63 a São Félix o investimento é de R$ 78 milhões.(Leilane Marinho)

Leia também
PCHs são planejadas no Jalapão


Explore a região do Jalapão no mapa abaixo. Em azul os limites do Parque

Visualizar Jalapão em um mapa maior

Leia também

Salada Verde
17 de maio de 2024

Avistar celebra os 50 anos da observação de aves no Brasil

17º Encontro Brasileiro de Observação de aves acontece este final de semana na capital paulista com rica programação para todos os públicos

Reportagens
17 de maio de 2024

Tragédia sulista é também ecológica

A enxurrada tragou imóveis, equipamentos e estradas em áreas protegidas e ampliou risco de animais e plantas serem extintos

Notícias
17 de maio de 2024

Bugios seguem morrendo devido à falta de medidas de proteção da CEEE Equatorial

Local onde animais vivem sofre com as enchentes, mas isso não afeta os primatas, que vivem nos topos das árvores. Alagamento adiará implementação de medidas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.