Salada Verde

Alcatrazes deverá abrir para visitação já no segundo semestre 2017

Previsão para a abertura do Refúgio de Vida Silvestre (RVS) para o turismo é para agosto de 2017. O plano de manejo da unidade está em fase avançada de elaboração e deverá ser aprovado já no primeiro semestre

Sabrina Rodrigues ·
19 de dezembro de 2016 · 5 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Alcatrazes deverá ser aberto para visitação pública no segundo semestre de 2017. Foto: Leandro Coelho/Flickr
Alcatrazes deverá ser aberto para visitação pública no segundo semestre de 2017. Foto: Leandro Coelho/Flickr

Em agosto deste ano, o Arquipelágo dos Alcatrazes foi transformado em Refúgio de Vida Silvestre (RVS). Foram quase três décadas de espera para que Alcatrazes se transformasse em unidade de conservação. A expectativa agora é que a promessa do presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Ricardo Soavinski, de abrir Alcatrazes para visitação no segundo semestre de 2017, se realize. Em entrevista ao Estadão, Soavinski garantiu que no “mais tardar”, a unidade esteja aberta em 2 de agosto, data do primeiro aniversário da criação da unidade. Com 67 mil hectares, o agora, RVS dos Alcatrazes, fica localizado no litoral norte de São Paulo, a apenas 35 quilômetros da costa. Antes de se tornar área protegida, Alcatrazes era usado, desde a década de 1980, para treinamentos de tiros de canhão pela Marinha. Foram anos de luta para que o local fosse ambientalmente protegido. A decisão de abertura de Alcatrazes para visitação põe um ponto final à preocupação de que a unidade não fosse aberta ao turismo, devido a categoria adquirida por Alcatrazes como Refúgio, que possui regras mais restritivas à visitação do que um Parque. Segundo Soavinksi, “Temos condições de fazer, e vamos fazer. É prioridade absoluta”. O plano de manejo da unidade, necessário para que isso aconteça, está em fase avançada de elaboração e deverá ser aprovado já no primeiro semestre.

Fonte: Estadão

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Notícias
3 de agosto de 2016

Finalmente governo decreta criação do Refúgio de Vida Silvestre de Alcatrazes

Após quase três décadas de luta pela proteção da área usada como base de tiro da Marinha, unidade de conservação é criada no local. O Refúgio tem 67 mil hectares.

Salada Verde
3 de dezembro de 2021

Paraná pretende reativar trecho brasileiro de trilha histórica que liga o Atlântico ao Pacífico

Chamada de Caminhos do Peabiru, trilha tem 1.550 no trecho paranaense, que vai de Paranaguá a Guaíra. Caminho era usado por incas e guaranis, antes da colonização

Notícias
3 de dezembro de 2021

Amapá vende terras públicas invadidas a R$ 46 o hectare

Estado possui mais de 2,5 milhões de hectares de áreas ainda não destinadas. Cerca de 50% deste total é classificado como de importância biológica extremamente alta

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta