Salada Verde

Projeto Coral Vivo lança série sobre recife de corais da Bahia

Com seis episódios, a série vai mostrar a biodiversidade, ameaças e maneiras de conversar os recifes de coral na região de Abrolhos

Marcos Furtado ·
8 de abril de 2021 · 1 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Exibindo imagens da riqueza dos recifes de coral da região de Abrolhos, no sul da Bahia, o  Projeto Coral Vivo apresenta em seu canal no YouTube a série “Amar o Mar”. Conhecida por ter a maior diversidade coralínea do Atlântico Sul, a região é o cenário central dos episódios que vão mostrar quais são as maneiras de cooperar para a sua conservação. O segundo episódio vai ao ar hoje (08).

Publicados sempre às terças e quintas ao longo deste mês, os vídeos falarão sobre a função que os recifes têm de berçários da vida marinha para a reprodução de inúmeras espécies, a produção de areias pelos peixes e a relação de predação dos corais durante a noite. As ameaças que as ações humanos têm provocado na região e possíveis soluções para conservá-la serão temáticas da série.

Responsável pela série, o Projeto Coral Vivo. patrocinado pela Petrobras, tem uma rede de pesquisa que estuda a biodiversidade e a ecologia da região.

Confira abaixo o primeiro episódio da série:

Leia Também

  • Marcos Furtado

    Escreveu para ((o))eco, Estadão, Folha de SP, Colabora. Ganhou o Prêmio Santander Jovem Jornalista e teve o 3º lugar em concurso do ICFJ

Leia também

Salada Verde
21 de abril de 2020

Projeto Coral Vivo lança livro de divulgação científica com pesquisas e histórias

A publicação lançada nesta terça (20) reúne as 45 edições do ‘Coral Vivo Notícias’ e inclui pesquisas feitas ao longo dos 17 anos de monitoramento e trabalho com corais

Reportagens
12 de agosto de 2022

Conhecer para preservar: atrizes de Pantanal contam como se apaixonaram pelo bioma

Letícia e Malu explicam a paixão despertada pelo bioma durante as gravações e destacam importância da conservação para a região

Notícias
12 de agosto de 2022

Amazônia perdeu área equivalente à cidade de São Paulo em julho, mostra INPE

Números foram atualizados nesta sexta-feira. Desmatamento em 2022, segundo o Deter, chegou a 8.600 km², área quase do tamanho de Rio Branco (AC)

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta