Salada Verde

“Tchau, milicos”, ICMBio exonera mais dois PMs de cargos de chefia

Policiais militares que chefiavam o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses e o NGI Campos Gerais, que cuida de quatro áreas protegidas no Paraná, foram exonerados nesta quarta (25)

Duda Menegassi ·
25 de janeiro de 2023
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Mais um dia de leitura do Diário Oficial da União e mais um dia com militares sendo exonerados pelo novo governo de cargos de chefia dentro dos órgãos ambientais. Dessa vez, no ICMBio, as saídas foram do tenente-coronel Emerson de Barros Pinheiro, que chefiava o Núcleo de Gestão Integrada (NGI) Campos Gerais; e do coronel Flavio Antonio de Jesus, então gestor do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Flávio é coronel da Polícia Militar do Maranhão e assumiu a gestão do parque – um dos mais visitados do país – em agosto de 2021. Já Emerson, tenente-coronel da Polícia Militar do Paraná, havia sido nomeado em dezembro de 2019 para o NGI, responsável por integrar a gestão de quatro unidades de conservação no Paraná: Parque Nacional dos Campos Gerais, Reserva Biológica das Araucárias e as florestas nacionais de Irati e de Piraí do Sul.

Os novos ocupantes dos cargos ainda não foram indicados, mas a servidora e analista ambiental Cristiane Ramscheid Figueiredo já foi designada como chefe substituta do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. O próprio ICMBio, que também está sem presidente designado, segue sob liderança do servidor Marcel Marcelino de Oliveira, que é quem assina a portaria desta quarta-feira (25) com as exonerações.

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação, montanhismo e divulgação científica.

Leia também

Salada Verde
20 de janeiro de 2023

Alessandro Molon e Cleberson Zavaski concorrem pela presidência do ICMBio

O ex-deputado federal é o mais cotado devido a sua atuação política, já Zavaski é o preferido dos servidores da autarquia, que defendem uma gestão técnica

Salada Verde
24 de janeiro de 2023

Conheça o advogado socioambiental que irá assumir Secretaria de Controle do Desmatamento do MMA

Ex-secretário de Meio Ambiente do DF, André Lima afirmou nesta segunda-feira (23) que aceitou convite de Marina Silva. Meta é acabar com “razão fática” da existência da nova Secretaria

Reportagens
17 de janeiro de 2023

Orçamento do MMA tem recomposição de meio bilhão e retorna aos valores pré-Bolsonaro

Com recursos de emendas, Bolsa Verde será retomado e programas de combate ao fogo e fiscalização ganharam reposição expressiva. LOA foi sancionada por Lula nesta terça-feira (17)

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta