Pressão sobre a mata no Amazonas

Os sistemas de satélite que acompanham mês a mês o desmatamento na Amazônia trarão uma surpresa no levantamento de agosto. O corte se concentrou no Amazonas, no eixo da BR-319. As derrubadas cresceram nos últimos dois meses naquele estado, que até o ano passado era uma das áreas menos pressionadas da Amazônia. Uma das zonas de pressão é Apuí, município cortado pela Transamazônica. Mas a pior tendência de alta no corte, registrada em agosto tanto pelo Deter (federal) quanto pelo Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon, está ao sul, perto de Lábrea, ao longo do eixo da BR-319, próximo à divisa com Rondônia.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Campeões em queda livre

O desmatamento subiu no Amazonas em agosto, mês de pico no corte, mas desabou nos velhos campeões nessa modalidade de devastação da natureza - Mato Grosso e Pará. As causas ainda são desconhecidas. Pode ser que o agronegócio, pelo menos em Mato Grosso, esteja assustado com a publicidade em torno dos cortes nos últimos seis meses e tenha decidido adotar estratégia mais cautelosa de expansão.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Mais dinheiro contra o desmatamento

Depois de conseguir o compromisso financeiro de 1 bilhão de dólares, em dez anos, da Noruega para o fundo do BNDES destinado a promover ações anti-desmatamento e projetos sustentáveis, o governo negocia agora doações com Alemanha e Inglaterra. O fundo também prevê aportes de empresas. Mas, por enquanto, o governo decidiu não correr atrás delas. Prefere consolidar primeiro a participação de países.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Primeira grana pinga até dezembro

A primeira parcela do dinheiro norueguês para o fundo do BNDES, 20 milhões de dólares, chega até dezembro. Ano que vem, caso o desmatamento continue em queda em relação a média dos dez anos anteriores, virão mais 120 milhões de dólares.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Caminham as concessões de florestas

Dia 30, o Serviço Florestal Brasileiro (SFB) assina os contratos das primeiras concessões para exploração da Floresta Nacional do Jamari, em Rondônia, em regime de manejo. Em outubro, o SFB põe na Internet o edital oferecendo concessões na Floresta Nacional de Saracá-Taquera, no Pará.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Definição para auditorias

E nessa sexta (26), o mesmo SFB promove seminário em Brasília para debater as normas que estabeleceu com o auxílio do Inmetro para a auditagem independente das explorações florestais. Essas normas servirão de guia para qualquer empresa que se habilite a fazer estas auditorias.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Conclave dos megaflorestais

Em fins de outubro, os representantes de serviços florestais de países com maior área de floresta do mundo e, por isso mesmo, conhecidos como megaflorestais – Brasil, Canadá, Estados Unidos, China, Rússia, Indonésia, Peru e Congo – se reunirão em Brasília. No dia 29, partirão para Manaus onde pegarão um barco para passar mais três

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

No extremo do aquecimento

Em tempos de aquecimento global e Ano Polar Internacional, a portuguesa Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza lançou um pequeno e chocante vídeo. Na animação, um chimpanzé, um urso polar e um canguru chegam a uma situação extrema, tamanho o sofrimento provocado pelas mudanças do clima. Para assistir e refletir, basta clicar na imagem aqui ao lado.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Briga de bugio

Segue acirrada a disputa entre ONGs e governo gaúcho em torno do licenciamento de legalidade duvidosa de lavouras de eucaliptos no Pampa e de hidrelétricas sem estudos de impacto ambiental. Na área energética, o último movimento de ambientalistas foi pressionar, via Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema), para que o governo explique como é possível emitir uma licença para uma barragem sem estudos ambientais. No ramo da silvicultura, o auê percorre escaninhos na Justiça, enquanto o secretário de Meio Ambiente Otaviano de Moraes tenta justificar seus atos e as entidades civis prontamente respondem. A queda-de-braço promete novos e palpitantes eposódios.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008

Moradores ajudam pingüim em SC

Como O Eco comentou dia desses, é surpreendente a quantidade de pingüins que tem surgido nas prais brasileiras este ano. Quase todos imundos de óleo. Na última quinta (18), um deles foi encontrado na Praia do Gravatá, em Santa Catarina, também sujo. Moradores tentaram sua remoção em contato com Ibama e Patrulha Ambiental. Sem sucesso. Depois de um papo via e-mail com alguns biólogos, conseguiram limpar e alimentar a ave (foto ao lado), que foi devolvida  ao mar este fim de semana. Era um pingüim-de-magalhães (Spheniscus magellanicus). Animais vivos e mortos seguem aparecendo nas praias daquela região.

Por Salada Verde
22 de setembro de 2008