Notícias

Mapa global de uso da terra

Faça download do mais novo levantamento feito com imagens de satélite da Agência Espacial Europeia. Explore utilizando ferramenta interativa.

Redação ((o))eco ·
16 de fevereiro de 2011 · 13 anos atrás

 No fim de 2010, a Agência Espacial Europeia (ESA) em parceria com Universidade de Louvain (Belgica) divulgou um dos mais precisos mapas globais de uso da terra já feitos. Com imagens captadas durante os 12 meses de 2009 através do sensor MERIS, a bordo de seu satélite Envisat.

O GlobCover é um atualização sobre um mapa que utilizava mesma metodologia em 2005, também pela ESA. Os parâmetros de classificação de uso terra são os mesmos utilizados pela Organização para Alimentação e Agricultura das Nações Unidas (FAO). Não há uma versão traduzida dos critérios. As legendas estão em inglês.

Clique aqui para baixar o poster em alta resolução.

Alternativamente, você pode usar a ferramenta de zoom disponibilizada aqui. Aproximando a visão sobre a América do Sul, pode-se notar a densa cobertura de florestal da Amazônia, classificada como floresta fechada com cobertura florestal ‘sempre verde’ (Closed (>15%) evergreen forest). Está bem destacado também o maior remanescente de Mata Atlântica na divisa entre São Paulo e Paraná, ao longo da costa.

 

Leia também

Notícias
12 de abril de 2024

ICMBio abre consulta pública para criação de novo parque marinho no Rio Grande do Sul

Criação do Parna de Albardão foi proposta há mais de 15 anos. Unidade protegerá 1,6 milhão de hectares, em região com alta pressão da pesca industrial

Notícias
12 de abril de 2024

Pesquisadores alertam para impactos de turbinas eólicas sobre morcegos

Artigo assinado por 12 pesquisadores de 9 países e territórios aborda efeitos das turbinas sobre morcegos ao redor do mundo, lista medidas de prevenção e pede maiores regulações

Salada Verde
12 de abril de 2024

Os 35 anos do Parna Grande Sertão Veredas

Uma das principais unidades de conservação do Cerrado abriga inigualáveis cenários que inspiraram a obra de Guimarães Rosa

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.