Notícias

ANA abre edital para estudo de aquífero

Trabalho será para entender e proteger o aquífero Guarani, que ocupa área equivalente a dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Daniele Bragança ·
1 de julho de 2011 · 10 anos atrás
A Agência Nacional de Águas (ANA) abriu edital para contratação do “Estudo da Vulnerabilidade Natural à Contaminação e Estratégias de Proteção do Sistema Aquífero Guarani nas Áreas de Afloramento”, cujo objetivo é planejar medidas de proteção das águas subterrâneas, principalmente contra contaminação, do Sistema Aquífero Guarani (SAG).

Serão dois anos de trabalho que servirá de subsidio às decisões dos órgãos estaduais gestores dos recursos hídricos subterrâneos que fazem parte do SAG.

As inscrições irão até o dia 2 de agosto. As empresas interessadas que atenderem às exigências do edital poderão enviar suas propostas para participar da licitação na modalidade de concorrência.

O estudo abrange as áreas de afloramento do SAG, regiões onde o aquífero aparece à superfície do terreno – e que ocupam um território que equivale aproximadamente a soma das áreas de Rio de Janeiro e Espírito Santo: 87.400 km². Tais áreas englobam parte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. O Aquífero Guarani é considerado a segunda maior reserva de água doce do mundo e também abrange parcialmente Argentina, Paraguai e Uruguai.

O trabalho deverá não só avaliar e rastrear as fontes potenciais de poluição, mas também propor estratégias de uso e proteção das águas SAG, incluindo propostas de áreas de proteção de aquíferos e perímetros de proteção de poços de abastecimento, visando à proteção da qualidade das águas subterrâneas, como previsto na Agenda de Águas Subterrâneas da ANA.

Click aqui para ler o edital.
 
Saiba Mais

Mapa esquemático do Sistema Aquífero Guarani

 

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Notícias
8 de dezembro de 2021

Prefeitos definirão a faixa de proteção das matas ciliares nas cidades

Câmara rejeita mudanças vindas do Senado e conclui votação do Projeto de Lei que flexibiliza faixas de áreas de proteção permanente nas áreas urbanas

Reportagens
8 de dezembro de 2021

Governo tenta incluir garimpeiros e pecuaristas na lista de comunidades tradicionais

Proposta foi feita por secretaria ligada ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, pasta comandada por Damares Alves

Reportagens
8 de dezembro de 2021

Ribeirinhos convertem-se ao ouro e desafiam contaminação por mercúrio no rio Madeira

Estimulados pelo alto lucro e desamparados de políticas que fortaleçam um modo de vida tradicional, ribeirinhos são empurrados para o garimpo; juntos, constroem pequenas balsas de até R$ 50 mil para extrair "fagulhas de ouro" do fundo do rio

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta