Notícias

Tatu-bola-da-caatinga será o mascote da Copa brasileira

Foi escalado para o torneio de seleções mundiais devido a habilidade de se enrolar e assumir um formato de bola quando se sente ameaçado.

Redação ((o))eco ·
11 de setembro de 2012 · 12 anos atrás
A FIFA acaba de divulgar a símbolo oficial da Copa do Mundo de 2014, a ser realizada no Brasil. Trata-se do Tatu-bola-da-caatinga (Tolypeutes tricinctus). Este simpático tatu é particular de áreas de Cerrado e Caatinga no nordeste do Brasil.

A característica que o levou a ser escalado para a Copa é a habilidade de, ameaçado, se enrolar e assumir um formato de bola. Funciona contra predadores naturais, mas não impediu que caçadores e a destruição de seu habitat o dizimassem. Ele chegou a ser considerado extinto, até que foi redescoberto na década de 1990.

Pesa por volta de 1,5 kg e mede 40 centímetros. Gosta de se alimentar de formigas e cupins, que encontra através de um faro apurado. Quando detecta seu lanche, cava o chão e avança buraco adentro com o nariz. Usando a língua comprida e pegajosa captura e come qualquer inseto que encontrar pela frente.

 

 
 

Leia também

Salada Verde
29 de maio de 2024

Expansão da soja no leste amazônico provocou perda de R$10 bi em serviços ambientais

Desmate e aumento das áreas agrícolas têm diminuído a capacidade da floresta de oferecer benefícios à população, mostra estudo. Cifra refere-se aos últimos 36 anos

Salada Verde
29 de maio de 2024

Mais de 150 macacos morrem no México em meio ao calor extremo

Pelo menos 157 bugios já morreram desidratados apenas no mês de maio e causa provável são as altas temperaturas no país, que chegaram à sensação térmica de 52º C

Salada Verde
29 de maio de 2024

PAC injetará R$ 700 mi nos estados pantaneiros

Os investimentos podem prejudicar as cheias e as vazantes e a conservação de animais e plantas no Pantanal brasileiro

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.