Salada Verde

Agora é lei: Sacolas plásticas são proibidas no Rio

O governador Luiz Fernando Pezão sancionou a Lei 8006/18, que bane a distribuição de sacos descartáveis. Agora, as bolsas devem ser reutilizáveis e biodegradáveis

Sabrina Rodrigues ·
26 de junho de 2018 · 3 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
A lei 8006/18 também obriga a substituição por bolsas reutilizáveis ou biodegradáveis, proibindo a distribuição ou mesmo a venda de sacolas plásticas no estado. Foto: Márcio Cabral de Moura/Flickr.

O governador Luiz Fernando Pezão, sancionou, na segunda-feira (25), a Lei 8006/18, que proíbe os supermercados e estabelecimentos comerciais de distribuírem sacolas plásticas descartáveis. A lei também obriga a substituição por bolsas reutilizáveis ou biodegradáveis, proibindo a distribuição ou mesmo a venda de sacolas plásticas no estado.

As sacolas precisam transportar de 7 a 10 quilos de produtos e devem ser utilizadas até 60 vezes. Elas deverão ser compostas por, pelo menos, 51% de material proveniente de fontes renováveis. A substituição deverá ser feita em até 18 meses, para micro e pequenas empresas, ou 12 meses para os demais estabelecimentos.

O autor da lei, o deputado Carlos Minc (PSB), festeja: “Serão retirados dois bilhões de sacolas plásticas do meio ambiente no primeiro ano de vigência da lei. Atualmente, o Rio de Janeiro distribui 4 bilhões de sacolas plásticas por ano, que não são nem biodegradáveis nem recicláveis. O meio ambiente vira uma lata de lixo, recebendo esse material, que entope rios e canais, provoca inundações e asfixia peixes, tartarugas e aves. A nova lei estabelece o princípio da reciclagem e da reutilização, preservando ambiente, fauna e famílias vulneráveis a enchentes”, afirma o deputado.

 

Leia Também

Rio de Janeiro está perto de banir as sacolas de plástico

Plástico, como seria bom voltar no tempo e desinventá-lo

Câmara Municipal de SP aprova lei que bane sacolas Plásticas

 

 

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Notícias
18 de maio de 2011

Câmara Municipal de SP aprova lei que bane sacolas Plásticas

Segue, agora, para sanção do prefeito Gilberto Kassab. Se sancionada, entra em vigor na virada do ano e prevê multas de até R$50 milhões.

Colunas
12 de janeiro de 2017

Plástico, como seria bom voltar no tempo e desinventá-lo

Descoberta de mil e uma utilidades, tornou-se também uma praga ambiental, pois é um material que não se deteriora e costuma acabar em rios e mares

Salada Verde
14 de maio de 2018

Rio de Janeiro está perto de banir as sacolas de plástico

Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aprovou, na quinta (10), projeto de lei que propõe substituição por bolsas reutilizáveis ou biodegradáveis

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. JOSÉ LUIZ DOS SANTOS diz:

    QUANDO PROIBIRÃO A CONFECÇÃO E VENDA DE FRALDAS DESCARTÁVEIS QUE AGRIDEM O MEIO AMBIENTE, TANTO OU MAIS QUE SACOLAS PLÁSTICAS???