Salada Verde

Canadá fechará usinas termelétricas a carvão até 2030

O objetivo é reduzir as emissões de gases de efeito estufa. O país tem como meta a redução de 80% das emissões até 2050

Sabrina Rodrigues ·
22 de novembro de 2016 · 6 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Candiota, no Rio Grande do Sul, é a maior termelétrica a carvão do país. Foto: Flickr
Candiota, no Rio Grande do Sul, é a maior termelétrica a carvão do país. Foto: Flickr

Uma boa notícia veio do Canadá. Na segunda-feira (21), o governo divulgou que até 2030 fechará as suas usinas termelétricas a carvão. O compromisso tem o objetivo de reduzir as emissões de gases de efeito estufa. Catherine McKenna, ministra do Meio Ambiente tem como meta a redução de 80% das emissões de gases do efeito estufa até 2050. O fechamento das termelétricas corresponderá a uma redução de mais de cinco milhões de toneladas de emissões de carbono que são produzidas pelo Canadá e será o mesmo que retirar 1,3 milhão de veículos de circulação. Futuramente são aguardadas medidas semelhantes em relação a usinas a gás natural, segundo a ministra.

Fonte original: Folha de S. Paulo

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Notícias
3 de outubro de 2022

Conheça as propostas para o meio ambiente do governador reeleito no Rio

Claudio Castro (PL) abordou timidamente o meio ambiente em seu plano de governo e afirma ter despoluído a Baía de Guanabara

Reportagens
3 de outubro de 2022

“As mudanças climáticas já estão causando desastres”, alerta Marengo aos candidatos das eleições de 2022

Ao ((o))eco, o coordenador do Cemaden fala da importância da educação e das políticas públicas para mitigarmos as mudanças climáticas

Reportagens
3 de outubro de 2022

Pesquisa mapeia impactos do turismo para fauna em parque nacional

Ao longo de sete anos, os pesquisadores monitoraram como mamíferos responderam ao movimento de turistas em trilhas no Parque Nacional Cavernas do Peruaçu

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta