Fotografia

A seca em Fernando de Noronha

Mesmo após dois anos sem chuva, Fernando de Noronha ainda oferece paisagens espetaculares. Mas é um paraíso que precisa ser preservado. Foto: Carolina Mourão

Redação ((o))eco ·
8 de fevereiro de 2012 · 10 anos atrás
Para dificultar que prisioneiros em fuga se escondessem, a maior parte de vegetação original de Fernando de Noronha foi cortada na época em que a ilha funcionava como presídio. Sem a cobertura das plantas a retenção de água durante a estação seca é prejudicada, fazendo com que a paisagem lembre a do sertão nordestino. Porém, mesmo após dois anos de seca, o arquipélago de Fernando de Noronha ainda é um colírio para os olhos, como podemos ver nesta foto da repórter Carolina Mourão, tirada em 2005 em meio a uma grave crise de abastecimento de água.

Colapso na ilha
Fernando de Noronha, o paraíso ameaçado

Leia também

Reportagens
27 de outubro de 2021

Estados da Amazônia não estão preparados para eventos climáticos extremos, mostra estudo

Nenhum dos nove estados possui sistema de alertas ou planos de contingência para lidar com inundações, secas, incêndios ou ondas de calor

Análises
27 de outubro de 2021

Um olhar sobre 36 anos da Mata Atlântica – o que aconteceu entre 1985 e 2020 e para onde vamos

O bioma mais impactado pela presença humana ao longo de toda a história do país permaneceu com intensa transformação do seu território nas últimas 3,5 décadas

Reportagens
27 de outubro de 2021

Lobby do agronegócio reduz transparência ambiental de estados e favorece desmatamento

Governadores cedem a interesses de produtores rurais e bloqueiam ou dificultam acesso a dados públicos que poderiam apontar quem está derrubando a floresta ilegalmente

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta