Notícias

Gnus perdem pastagens naturais na África

Imagens de satélite mostram impactos da agricultura mecanizada sobre vegetação natural em um período de 30 anos. Animais dependem de ecossistema para alimentação

·
2 de maio de 2011 · 11 anos atrás
Flávia Moraes

 

crédito: NASA
crédito: NASA
A NASA divulgou duas imagens de satélite que mostram a região das planícies Loita, no Quênia, nos anos de 1975 (esquerda) e 2007 (direita). É possível perceber a perda de vegetação natural devido à expansão de fazendas mecanizadas de milho na região circundante à Reserva Natural Masai Mara. A área de fazendas aumentou cerca de dez vezes, entre 1975 e 1995, e vem reduzindo as pastagens naturais das quais dependem os gnus (Connochaetes taurinus), um mamífero ungulado. Assim, soma-se aos inúmeros problemas sociais da África a questão ambiental, já que esses animais dependem das planícies e de suas pastagens para a procriação.

{iarelatednews articleid=”24740″}

Leia também

Reportagens
1 de julho de 2022

Projeto “Trilha de Crianças” reúne famílias para dia na natureza em Santa Catarina

Atividade ocorre uma vez por mês em Florianópolis, com inscrição gratuita. Evento busca possibilitar experiências afetivas no meio ambiente

Notícias
1 de julho de 2022

Amazônia tem maior número de queimadas em 15 anos no mês de junho

No acumulado do ano, bioma já registra mais de 7 mil focos. Cerrado e Pantanal também sofrem com queimadas acima da média

Notícias
30 de junho de 2022

40% dos brasileiros não entendem como impactam os oceanos, revela pesquisa

O estudo inédito, divulgado no 4º dia da Conferência dos Oceanos, aponta que apenas 34% dos brasileiros compreendem que suas ações influenciam diretamente o oceano

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta