Salada Verde

Vídeo: onça-pintada passeia na recepção do Parque do Iguaçu

Em plena 6ª feira antes do Réveillon, o animal caminha nas instalações do parque nacional: raridade registrada pelas câmeras de segurança.

Redação ((o))eco ·
2 de janeiro de 2013 · 9 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Em plena sexta-feira (28), na semana entre o Natal e o Réveillon, uma onça-pintada deu o ar de sua graça na bilheteria do Passeio Macuco Safari, no nterior do Parque Nacional do Iguaçu. Era noite, 23h, e ninguém estava no local. O registro raro foi feito pelas câmeras de segurança.

O animal, que é símbolo do Parque Nacional do Iguaçu, caminha tranquilamente entre a área de embarque e a bilheteria. De acordo com estudos do Projeto Carnívoros do Iguaçu, cerca de 10 onças-pintadas vivem nos limites do parque. Obtido por ((o))eco junto à assessoria de imprensa da concessionária Macuco Safari, o vídeo mostra a onça passeando na recepção, perto da bilheteria. 

Os biólogos da concessionária Macuco fizeram registros das pegadas da onça no chão. Os milhares de turistas que passam pelo Parque todo ano poderão conferir por onde a Panthera onca passou. Esse ano, mais uma vez o PNI bateu recorde de visitação: foram 1.5 milhões de pessoas, marca atingida no dia 27 de dezembro.

Leia também

Notícias
7 de dezembro de 2021

Movimento contra a especulação imobiliária abraça a Lagoa de Itaipu

Sociedade civil de Niterói protesta contra especulação imobiliária e pede para que o poder público não licencie nenhuma obra no entorno da lagoa

Notícias
7 de dezembro de 2021

Desmatamento está diretamente associado a baixo índice de progresso social na Amazônia

Municípios que mais desmataram no bioma Amazônico registram Índice de Progresso Social (IPS) 21% menor que o índice nacional, mostra estudo conduzido pelo Imazon

Notícias
7 de dezembro de 2021

Websérie de ((o))eco mostra natureza que resiste na Baía de Guanabara

"Guanabara: baía que resiste" estreia nesta terça-feira com histórias inspiradoras sobre conservação e soluções baseadas em natureza na região da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta