Salada Verde

Vídeo: onça-pintada passeia na recepção do Parque do Iguaçu

Em plena 6ª feira antes do Réveillon, o animal caminha nas instalações do parque nacional: raridade registrada pelas câmeras de segurança.

Redação ((o))eco ·
2 de janeiro de 2013 · 11 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Em plena sexta-feira (28), na semana entre o Natal e o Réveillon, uma onça-pintada deu o ar de sua graça na bilheteria do Passeio Macuco Safari, no nterior do Parque Nacional do Iguaçu. Era noite, 23h, e ninguém estava no local. O registro raro foi feito pelas câmeras de segurança.

O animal, que é símbolo do Parque Nacional do Iguaçu, caminha tranquilamente entre a área de embarque e a bilheteria. De acordo com estudos do Projeto Carnívoros do Iguaçu, cerca de 10 onças-pintadas vivem nos limites do parque. Obtido por ((o))eco junto à assessoria de imprensa da concessionária Macuco Safari, o vídeo mostra a onça passeando na recepção, perto da bilheteria. 

Os biólogos da concessionária Macuco fizeram registros das pegadas da onça no chão. Os milhares de turistas que passam pelo Parque todo ano poderão conferir por onde a Panthera onca passou. Esse ano, mais uma vez o PNI bateu recorde de visitação: foram 1.5 milhões de pessoas, marca atingida no dia 27 de dezembro.

Leia também

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Antas “avisam” pesquisadores sobre contaminação humana por agrotóxicos no MS

Além de agrotóxicos como glifosato, moradores do sudeste do estado também apresentaram altos índices de metais no corpo. Antas atuaram como sentinelas

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Pouco mais de mil espécies representam metade das árvores tropicais do planeta, aponta estudo

Publicada na revista Nature, estimativa é de que 2,24% das espécies arbóreas da Amazônia, África e Sudeste Asiático correspondam a 50% dos 800 bilhões de árvores do bioma tropical

Notícias
22 de fevereiro de 2024

CEEE Equatorial terá que isolar fios da rede elétrica para proteger bugios, decide Justiça

Juiz acatou pedido do MP e concessionária de energia que atua na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS) terá que adequar o serviço para evitar morte de bugios

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.