Salada Verde

Tamanduá-bandeira é flagrado nas ruas de Chapada dos Guimarães

Mamífero foi filmado em “passeio” dentro da cidade, que é vizinha ao parque nacional, e fica a apenas 70 quilômetros de Cuiabá

Michael Esquer ·
23 de novembro de 2022
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Um tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) foi flagrado na última sexta-feira (18) transitando pelas ruas de Chapada dos Guimarães, município que fica a cerca de 70 quilômetros de Cuiabá (MT) e abrange parte do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. 

Não é a primeira vez que o animal é visto nas ruas da cidade. Há cerca de um mês, o cuiabano Gallo Marinho fez um outro registro do mamífero. Na época, ele contou ao site Mídia News, que já havia uns três meses que o tamanduá era visto na cidade. “Ele vem dos paredões de Chapada, dos mirantes. Mora naquela região ali. Ele passeia, procura comida e volta para o habitat dele”, disse ao portal. Não há confirmação de que se trate do mesmo tamanduá-bandeira em ambas ocasiões.

O episódio, descrito por internautas como “um passeio”, porém, pode ser um reflexo de um habitat cada vez menor e mais pressionado do animal, que também sofre com caça, incêndios e atropelamentos. O mamífero está na lista oficial de espécies ameaçadas de extinção no País, na categoria Vulnerável. 

  • Michael Esquer

    Jornalista em formação pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), com passagem pela Universidade Distrital Francisco José de Caldas, na Colômbia, tem interesse na temática socioambiental e direitos humanos

Leia também

Salada Verde
1 de abril de 2021

Mãe e filhote de tamanduá-bandeira morrem atropelados em rodovia no MS

Imagem foi feita nesta quinta-feira (01) pelo projeto Bandeiras e Rodovias, na BR-262, e revela situação alarmante do atropelamento de fauna nas estradas do estado

Notícias
11 de dezembro de 2017

A descoberta dos sete tamanduás-anões

Os tamanduaís ou tamanduás-anões são animaizinhos simpáticos e tímidos. De hábito noturno, poucas vezes são vistos. O que dificulta estudá-los  

Reportagens
8 de janeiro de 2010

Menor tamanduá, já ameaçado

O tamanduaí sobrevive em matas brasileiras na Amazônia e na Mata Atlântica nordestina. Pesquisadores afirmam que seu desaparecimento é visível.

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta