Notícias

SP tem a cara de qual bicho?

Secretaria do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo lança consulta pública na internet para escolher o animal símbolo da cidade. Objetivo é valorizar a fauna silvestre na metrópole, pouco conhecida do público.

Redação ((o))eco ·
15 de junho de 2010 · 12 anos atrás

Já estão abertas as inscrições para escolha de qual animal silvestre é símbolo da cidade de São Paulo. A lista é composta por 15 espécies, oito delas são aves: bem-te-vi, carcará, joão-de-barro, periquito-rico, pica-pau-de-banda-branca, sabiá-laranjeira, tico-tico e tesourão. Além desses, também fazem parte da lista as espécies: bugiu, caxinguelê, prerereca-flautinha, rã-de-vidro, saruê, suçuarana, e o lagarto papa-vento.

A lista foi elaborada por técnicos da Divisão de Fauna da Secretaria do Verde de Meio Ambiente de São Paulo, com a ajuda de professores e pesquisadores do Museu de Zoologia/USP, do Instituto de Biociências/USP, do Instituto Butantã e das ONGs Save-Brasil e Centro de Estudos Ornitólógicos – CEO.

O objetivo da consulta pública é a valorização da fauna silvestre da metrópole paulistana, ainda pouco conhecida do público em geral. Não é para menos, o que mais se vê pela cidade é a profusão de carros, comandados pelo bicho homem. (Cristiane Prizibisczki)

Para votar, clique aqui

 

Leia também

Análises
27 de janeiro de 2022

Um lugar para as onças da Mata Atlântica na Década da Restauração

A Mata Atlântica é um pacote completo, com onças e tudo; é preciso urgentemente nos conscientizarmos que uma floresta sem bichos não tem futuro

Colunas
26 de janeiro de 2022

O que você levaria se tivesse que abandonar sua casa em 1 minuto?

Migração forçada por causa de fatores climáticos serão cada vez mais frequentes e atingirão mais pessoas. É preciso focar em políticas públicas para mitigar seus impactos

Reportagens
26 de janeiro de 2022

Especialistas criticam medidas de curto prazo adotadas contra a estiagem no Rio Grande do Sul

Governo estadual e representantes do agronegócio pedem recursos para cobertura de prejuízos, abertura acelerada de poços artesianos e até barramentos em áreas de preservação permanente

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Leandro Travassos diz:

    …na Serra dos Órgãos e principalmente na Reserva Biológica do Tinguá, que ainda possui uma população de queixada (Tayassu pecari) e veado mateiro (Mazama americana).