Notícias

Fogo em Quito e no Equador: vizinhos ajudam no combate

Nove províncias e encostas em torno da capital sofrem com queimadas. Venezuela, Colômbia e Brasil enviam helicópteros e aviões para ajudar.

Giovanny Vera ·
20 de setembro de 2012 · 9 anos atrás

O fogo já arrasou cerca de 9.000 hectares no país, disse a Ministra de Ambiente do Equador. Crédito: Ministério Ambiente Equador
O fogo já arrasou cerca de 9.000 hectares no país, disse a Ministra de Ambiente do Equador. Crédito: Ministério Ambiente Equador

Quito — Na segunda-feira passada, quase ao meio dia, eu estava chegando de avião na bela Quito, capital do Equador. Minha recordação era de um céu bem azul, como aquele me recebeu na última vez que estive nesta cidade, no ano passado.

No entanto, desta vez foi diferente. Pouco antes do pouso, vi uma enorme quantidade de fumaça que surgia da própria cidade de Quito e a cobria. A maior surpresa foi descobrir que era um incêndio florestal em uma área arborizada nas montanhas da cidade. O impacto só aumentou quando vi um helicóptero se aproximando da zona em chamas com uma espécie de bolsa cheia d’água, chamada bambi bucket, em seguida, despejando seu conteúdo na tentativa de abafar o fogo.

Quito está queimando, e também o Equador. De acordo com a mídia equatoriana, os incêndios ocorrem em vários pontos do país devido a uma forte onda de calor, somados a pouca umidade, ventos fortes e à mão do homem, que faz fogo para limpar o campo.

Colômbia e Venezuela mandaram helicópteros para ajudar no combate ao fogo. Crédito: Ministério Ambiente Equador
Colômbia e Venezuela mandaram helicópteros para ajudar no combate ao fogo. Crédito: Ministério Ambiente Equador
Em Quito, helicópteros se abastecem em rios da região. Clique para ampliar. Crédito: Ministério Ambiente Equador
Em Quito, helicópteros se abastecem em rios da região. Clique para ampliar. Crédito: Ministério Ambiente Equador

Ontem, em entrevista coletiva, Marcela Aguiñaga, Ministra de Ambiente do Equador, informou que até o momento, os incêndios afetaram 9.000 hectares, 1.100 dentro de unidades de conservação. Eles são um problema em 9 das 24 províncias equatorianas, as quais estão em estado de emergência por conta das queimadas.

Neste cenário, o governo equatoriano conseguiu a ajuda de 2 helicópteros colombianos e 2 venezuelanos, que se juntaram às 20 aeronaves equatorianas. Ainda se espera a confirmação da chegada de um avião-tanque do Brasil. Por fim, há quase 3.000 membros das Forças Armadas combatendo o fogo no país.

  • Giovanny Vera

    Giovanny Vera é apaixonado pela área socioambiental. Especializado em geojornalismo e jornalismo de dados, relata sobre a Pan-Amazônia.

Leia também

Notícias
26 de novembro de 2021

Informação obtida via LAI revela que MCTI recebeu dados do desmatamento em 1º de novembro

Ministro Marcos Pontes disse que dados não foram publicados antes da Conferência do Clima porque ele estava de férias. Agenda oficial registra férias entre 8 e 19 de novembro

Notícias
26 de novembro de 2021

Jornalismo digital brasileiro se une em campanha de financiamento

Ação reúne 26 organizações com objetivo de arrecadar doações para fortalecimento do jornalismo digital de qualidade

Reportagens
26 de novembro de 2021

MPF pede anulação da Licença de Instalação do Linhão Tucuruí na terra Waimiri Atroari

Ação aponta que União e a Transnorte agem ilegalmente no licenciamento da obra. Autossuficientes em energia elétrica, os Waimiri Atroari são contra o empreendimento e sentem “a floresta sangrar”

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta