Salada Verde

Outorga florestal

De olho na arrecadação de até R$ 120 milhões por ano, o governo quer conceder até quatro milhões de hectares de florestas conservadas para o que ele chama de manejo florestal sustentável. A prática, como levantou O Eco, não deixou marcas muito bonitas nas matas por onde passou. Apesar da biodiversidade amazônica em jogo, o governo aponta que 12 milhões de hectares de matas estão aptos para concessões a empresas e comunidades. No balaio, foram incluídas as florestas nacionais Bom Futuro (RO), Caxiuanã (PA) e São Francisco (AC). Estados também estão montando planos de outorga florestal. “Foi uma exigência do ministro Carlos Minc, depois que ele firmou o pacto pela madeira legal com os produtores do Pará. A idéia é diminuir a ilegalidade do setor madeireiro, mas, em contrapartida, oferecer alternativas de produção sustentável ao mercado”, disse Tasso Azevedo, diretor do Serviço Florestal Brasileiro, em nota distribuída pelo órgão.

Salada Verde ·
6 de agosto de 2008 · 13 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Leia também

Notícias
21 de janeiro de 2022

Em discurso de pré-candidatura, Ciro Gomes defende economia de baixo carbono

Durante a Convenção Nacional do PDT, o pré-candidato diz que a pauta ambiental é um instrumento de proteção dos ecossistemas e uma oportunidade de investimento

Análises
21 de janeiro de 2022

O Agro quer seguro rural, mas precisa mesmo é do Código Florestal

Sem cumprir as leis ambientais e sofrendo com mudanças climáticas, lideranças do Agro se mobilizam para ampliar o seguro rural com dinheiro público. Rios e florestas seguem em agonia. Moro já aderiu

Reportagens
21 de janeiro de 2022

Brasil registra recorde de extremos de chuva no início do verão

Entre 1º e 31 de dezembro de 2021, a equipe técnica do Cemaden emitiu 516 alertas de risco de desastres, como deslizamentos, inundações e enxurradas, para os 1.058 municípios monitorados

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta