Salada Verde

Ibama recorre a fundo privado para manter fiscalização na Amazônia

O órgão federal assinará convênio com o BNDES para receber o valor de R$ 56 milhões que serão gastos com o pagamento de aluguel de veículos

Sabrina Rodrigues ·
3 de novembro de 2016 · 5 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Os recursos cedidos pelo Fundo Amazônia serão utilizados para pagar o aluguel de veículos (carro e helicóptero) utilizados na fiscalização da região. Foto: Ibama/Flickr
Os recursos cedidos pelo Fundo Amazônia serão utilizados para pagar o aluguel de veículos (carro e helicóptero) utilizados na fiscalização da região. Foto: Ibama/Flickr

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) sofre com a diminuição dos recursos repassados pelo governo. Para que a restrição dos repasses não prejudique os trabalhos na fiscalização do desmatamento na Amazônia, o órgão federal assina, nesta quinta-feira (3), um convênio com o BNDES a fim de receber o valor de R$ 56 milhões do Fundo Amazônia. O fundo privado, criado em 2009, tem como objetivo receber recursos de empresas e de governos estrangeiros para a preservação da Amazônia. Com o dinheiro, o Ibama pretende pagar aluguel de veículos, que são usados na fiscalização da Amazônia, por um período de 15 meses. O orçamento de custeio e investimento do Ibama vem caindo ao longo dos anos. Comparando em cifras, em 2013, o orçamento do órgão ambiental totalizou R$ 325,9 milhões e esse ano ele chegou a R$ 243,7 milhões. Lembrando que o orçamento de custeio e investimento não inclui o pagamento de servidores.

Fonte original: Folha de S. Paulo

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Reportagens
25 de outubro de 2021

Como os estados cuidam da Amazônia: comparamos dados de proteção, orçamento e desmatamento

Análise exclusiva do ((o))eco se debruça sobre dados ambientais dos nove estados da Amazônia Legal para compreender diferenças e semelhanças nas políticas públicas regionais

Notícias
22 de outubro de 2021

“Adote um ninho”: Conheça a campanha para a preservação dos papagaios brasileiros

Campanha busca incentivar a proteção dos papagaios por meio da construção de ninhos artificiais para suprir a falta de cavidades naturais, que estão diminuindo por conta do desmatamento

Análises
22 de outubro de 2021

Por uma nova onda de soluções para a resiliência e a saúde do oceano

Estudo do FMI estima que 8 milhões de toneladas de lixo plástico acabam no mar todos os anos, sendo 80% provenientes do continente. Se não mudarmos esse quadro, o oceano terá mais lixo do que peixes até 2050

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta