Salada Verde

Mourão descobre que dados de queimadas são públicos e gerados automaticamente

Após acusar INPE de abrigar um “infiltrado” que divulga dados ruins sobre queimadas, Hamilton Mourão descobre que as informações são públicas e estão disponíveis para todos

Wanessa Alves ·
17 de setembro de 2020 · 2 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Após reclamar de números de queimadas na Amazônia e acusar o INPE de ter um funcionário “inimigo do governo” que apenas repercutia dados negativos, o vice-presidente Hamilton Mourão se reuniu com o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Darcton Policarpo Damião, no Palácio do Planalto e descobriu que não precisa esperar a Inteligência entregar um relatório atrasado – os dados do Programa de Queimadas nasceram de domínio público. 

“É o seguinte: eu também desconhecia isso [os dados estão em fonte aberta]. Isso aí faz parte da transparência. Então, qualquer um de vocês que for no site lá do INPE vai pegar o dado que está lá”, disse Mourão, que também é presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal, atualmente responsável por comandar a fiscalização e o combate à queimadas e desmatamento na região.

Após a reunião com o diretor interino do INPE, Mourão disse que precisa de mais detalhes sobre onde acontecem as queimadas. “Não adianta o cara me dizer ‘ah, tem 50 mil focos de fogo’, eu preciso saber quantos que já estão em área desmatada, quantos já estão em área de conservação e terra indígena, que isso é um problema meu e eu preciso resolver. Por quê isso melhora nossa capacidade de conseguir combater as ilegalidades”, disse. 

Na página oficial do programa de Queimadas há todas as informações sobre como acontece a coleta de informações sobre os focos de incêndio, que é feito por satélites e atualizados de meia em meia hora após controle automático de qualidade, todos os dias. Os dados são apresentados, por meio de imagens (feitas por satélite) e gráficos com a localização dos focos de calor. Além disso, também é possível saber e comparar dados de queimadas dos países da América do Sul, estados do Brasil, biomas e municípios brasileiros. A pesquisa pode ser feita no tanto no site ou recebidos por e-mail, desde que o usuário se cadastre.

*Agência Regra dos Terços, especial para ((o))eco

Leia Também 

Após dizer que INPE estava divulgando dados negativos, Mourão se reúne com diretor do Instituto

Leia também

Salada Verde
16 de setembro de 2020

Após dizer que INPE estava divulgando dados negativos, Mourão se reúne com diretor do Instituto

Segundo a agenda da vice-presidência, a reunião aconteceu hoje no anexo II do Palácio do Planalto. Dados sobre queimadas são públicos e disponibilizados automaticamente

Reportagens
5 de dezembro de 2022

COP15 pode definir mecanismo para proteger áreas em alto mar

Bráulio Dias também avalia que o novo governo deve fazer o Brasil retomar seu protagonismo global em conservação da biodiversidade

Salada Verde
2 de dezembro de 2022

Lula afirma que deve criar “Secretaria dos Povos Originários” com status de um Ministério

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (02), o presidente eleito esclareceu que fará os anúncios dos nomes do primeiro escalão depois de ser diplomado, em 12/12

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta