Salada Verde

Servidores “decoram” mesa de líder do PROS com adesivo contra loteamento do ICMBio

Comemoração do Dia do Meio Ambiente na Câmara dos Deputados teve protestos e uma “intervenção artística” na mesa do líder Felipe Bornier (RJ)

Daniele Bragança ·
5 de junho de 2018 · 3 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Adesivos colados na mesa do líder do PROS na Câmara. Foto: Divulgação.

A mesa do líder do PROS no plenário da Câmara, deputado Felipe Bornier (RJ), foi decorada com adesivos por servidores do ICMBio contrários à nomeação de um político do partido para o comando da autarquia que cuida das Unidades de Conservação federais do país. O PROS já tentou nomear dois políticos ligado ao partido para a presidência do instituto, mas encontra resistência dos servidores, que estão mobilizados.

Com a comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrada no dia 05 de junho, os servidores participaram de uma sessão solene na Câmara e aproveitaram para fazer o que estão fazendo há pelo menos duas semanas: protestar contra o que chamam de retrocesso ambiental.

A nomeação do último indicado do PROS, Cairo Tavares, um graduado em ciências políticas de 31 anos, foi adiada pelo Planalto. Não se sabe se o governo pretende indicar um terceiro nome do partido.

Criado em 2007, o ICMBio é responsável pela gestão de 9% do território nacional e 24% da área marinha e jamais foi presidido por alguém sem ligação com a área ambiental.

Protesto movimento Maré Socioambiental. Foto: Divulgação.

 

Leia Também 

Galeria: servidores se mobilizam contra indicação do PROS no ICMBio

PROS assumirá ICMBio com nome sem ligação ao meio ambiente

Vice-presidente do PROS é cotado para ser presidente do ICMBio

 

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Salada Verde
11 de maio de 2018

Vice-presidente do PROS é cotado para ser presidente do ICMBio

Se a indicação for confirmada, será a primeira vez que a autarquia será gerida por um político sem ligação com a área ambiental desde a sua criação, em 2007

Notícias
24 de maio de 2018

PROS assumirá ICMBio com nome sem ligação ao meio ambiente

Cairo Tavares esteve na sede da autarquia, nesta quinta-feira, e deve ter sua nomeação publicada na edição desta sexta do Diário Oficial da União

Notícias
25 de maio de 2018

Galeria: servidores se mobilizam contra indicação do PROS no ICMBio

Nesta sexta-feira (25), houve manifestação na sede dos parques nacionais de Brasília, Tijuca, Itatiaia, Serra dos Órgãos, Bocaina, Iguaçu e até Fernando de Noronha

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 6

  1. comem na mão dela diz:

    Porque os servidores não fizeram protesto quando botaram uma policial pra ser Diretora e vice-PresidenTa? Cadê a coerência? Bando de frango!


  2. Fernando diz:

    O mesmo argumento, ou lógica, poderia ser aplicada aos comentários acima: será que essas duas pessoas que comentaram acima vão ganhar uma "teta" caso o órgão mude de chefia? Por isso abomino a política, nunca se sabe se fulano é a favor de uma causa nobre, que irá beneficiar toda a sociedade, ou se está alí apenas para benefício pessoal.


    1. Everardo diz:

      Não vou ganhar "teta" nenhuma… não meça as pessoas pela sua régua.


  3. Perseguido diz:

    Isso nada mais é do que servidores efetivos petistas que ocupam cargos em comissão desde 2007 esperneando para não perderem sua boquinha. Órgão atualmente é gerido, e muito mal, diga-se de passagem, por petista de carteirinha. É só pesquisar no Google.


  4. Everardo diz:

    DCE ambiental. Depois dessa o governo desiste de nomear!
    PS. Isso virou notícia mesmo?