Análises

Escolha Feita III

Redação ((o))eco ·
16 de maio de 2008 · 14 anos atrás

De Prof. Roberto Berlinck

A senadora Marina Silva realizou um trabalho exemplar junto à pasta do meio-ambiente, comparável somente à atuação do senador José Sarney Filho. Como bem lembraram os órgãos de imprensa da televisão, Marina foi eleita a personalidade mais influente da área ambiental no mundo em 2007. Defendeu de forma arraigada a soberania nacional, a preservação da floresta, o desenvolvimento de um novo modelo macro-econômico sustentável, lutou pela melhoria de vida dos povos da Amazônia, brigou contra interesses de latifundiários, exploradores, madeireiros, enfim, mostrou ser sobretudo uma pessoa de caráter.

Porém, pecou pelo excesso na questão das licenças de pesquisa para o acesso à biodiversidade. Atualmente a pesquisa brasileira sobre a biodiversidade está bastante engessada, principalmente a chamada pesquisa que envolve o “acesso ao patrimônio genético”. Os entraves burocráticos são gigantescos para o desenvolvimento de projetos objetivando o conhecimento e uso racional de recursos naturais. Os pesquisadores da biodiversidade brasileira acreditam que é absolutamente necessária a regulamentação destas pesquisas, mas de maneira desburocratizada e simples.

Esperamos que a senadora Marina Silva continue com sua atuação exemplar no senado brasileiro, tão carente de quadros políticos sérios e verdadeiramente engajados nas questões do desenvolvimento sustentado de nosso país.

Leia também

Reportagens
17 de maio de 2022

Amazônia tem mais de 425 mil famílias sem energia elétrica

Brasil avança na universalização da energia, mas população de áreas remotas da Amazônia ainda demandam acesso à eletricidade. Pandemia atrasou cronograma

Notícias
17 de maio de 2022

Para beneficiar pecuária, Acre reduz em até 80% imposto sobre comercialização de gado

ICMS a ser pago por pecuaristas acreanos cai de 12% para 2,4% na venda para alguns estados. Medida pode resultar em mais desmatamento, diz pesquisadora

Análises
17 de maio de 2022

Oportunidades e desafios para a implementação do Código Florestal brasileiro

A lentidão na implementação do Código Florestal representa o desperdício de uma valiosa oportunidade de transformar o uso da terra no Brasil

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta