Análises

No meio do redemoinho

Redação ((o))eco ·
16 de maio de 2008 · 14 anos atrás

De Jaelson Castro

Os governantes e afins, pobreza mental e “compromisso com o capital”! Vejo a humanidade como um organismo que cresce e cresce e precisa devorar e devorar! Onde existe maior concentração de humanos, maior degradação! De um lado humanos com muita grana, esses destroem por ganância, manutenção de um escrotérrimo padrão consumista! De outro, humanos que sobrevivem com total falta de recursos e outros com poucos, esse destroem por necessidade!

Enfim, vamos em frente que o planeta precisa de mais gente, aqui tá frio, logo ali está quente! Os governantes são tragi-cômicos (gov.br)! Cronicamente inviáveis!!! Assistam ao filme Cronicamente Inviável, de Sérgio Bianchi!

Vamos ver de que forma o C. Minc escreverá a sua história, frente ao MMA, enfrentando o PAC de Dilma e do Lula!

Muito axé!

Leia também

Reportagens
17 de maio de 2022

Amazônia tem mais de 425 mil famílias sem energia elétrica

Brasil avança na universalização da energia, mas população de áreas remotas da Amazônia ainda demandam acesso à eletricidade. Pandemia atrasou cronograma

Notícias
17 de maio de 2022

Para beneficiar pecuária, Acre reduz em até 80% imposto sobre comercialização de gado

ICMS a ser pago por pecuaristas acreanos cai de 12% para 2,4% na venda para alguns estados. Medida pode resultar em mais desmatamento, diz pesquisadora

Análises
17 de maio de 2022

Oportunidades e desafios para a implementação do Código Florestal brasileiro

A lentidão na implementação do Código Florestal representa o desperdício de uma valiosa oportunidade de transformar o uso da terra no Brasil

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta