Notícias

Potencial nordestino para observação de aves

Capital paulista recebe encontro brasileiro de observadores de aves. um dos debates trata da consolidação do birdwatching no Brasil. Confira slideshow e cobertura no Blog do Eco.

Cristiane Prizibisczki · João Teixeira da Costa ·
22 de maio de 2009 · 13 anos atrás

Clique para ver o slideshow
Clique para ver o slideshow

A prática de observação de aves no Brasil conta com destinos já bastante conhecidos, como o Pantanal. Mas há outras áreas, também muito ricas em espécies, ainda pouco exploradas por agências de turismo ou grupos de observadores, como o Nordeste.

Com vegetação de Mata Atlântica, Caatinga e Cerrado, a região abriga centenas de aves, algumas ameaçadas de extinção.

Durante o painel Passarinhando no Nordeste, realizado dentro das atividades do Avistar na tarde de ontem, o ornitólogo cearense Ciro Albano deu uma mostra do que é possível encontrar no Ceará, Alagoas e no interior da região, em Canudos.

O Eco preparou um slideshow com alguns dos exemplares apresentados por ele. Hoje, Albano realizou a segunda parte do painel, mostrando o que é que a Bahia tem.

  • Cristiane Prizibisczki

    Cristiane Prizibisczki é Alumni do Wolfson College – Universidade de Cambridge (Reino Unido), onde participou do Press Fellow...

Leia também

Notícias
1 de julho de 2022

Em vitória histórica, STF reconhece proteção do clima como dever constitucional

Com placar de 10 a 1, Supremo reconhece omissão deliberada do governo federal na gestão do Fundo do Clima e determina o restabelecimento do mecanismo

Reportagens
1 de julho de 2022

Conferência dos Oceanos traz saldo de acordos, investimentos e novas promessas

Evento organizado pelas Nações Unidas reuniu líderes globais ao longo de cinco dias e contabilizou um total de 10 bilhões de euros acordados para investimentos na economia azul

Reportagens
1 de julho de 2022

Projeto “Trilhas de Criança” reúne famílias para dia na natureza em Santa Catarina

Atividade ocorre uma vez por mês em Florianópolis, com inscrição gratuita. Evento busca possibilitar experiências afetivas no meio ambiente

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta