Notícias

Lobo-guará dá uma canja para a câmera

Exemplar do maior canídeo nativo da América do Sul, com sua peculiar pelagem vermelho-dourada foi filmado por uma armadilha fotográfica.

Redação ((o))eco ·
7 de outubro de 2014 · 7 anos atrás

O lobo-guará que passeia neste filme foi flagrado por uma armadilha fotográfica dentro da Reserva Natural Serra do Tombador, localizada em Cavalcante (GO).

Este animal é o maior canídeo nativo da América do Sul: mede até 1m de altura; 1,20 a 1,30m de comprimento do corpo e seu peso pode chegar de 20 e 23 kg. Sua inconfundível pelagem vermelho-dourada, seus membros alongados e caminhar peculiar, podem ser avistados nas áreas de vegetação aberta (campos, cerrados e florestas de cerrado) ao longo de toda a América do Sul Central, desde o nordeste do Brasil até o norte do Uruguai.

Espécie onívora, sua dieta inclui grandes porções de frutas como a “fruta-do-lobo” (Solanum lycocarpum) – para as quais o lobo-guará é o principal dispersor de sementes –, além de pequenos mamíferos, aves, insetos e répteis.

“O fato de visualizarmos essa espécie, que é topo de cadeia alimentar, é resultado do trabalho de conservação que realizamos no local”, diz Marion Letícia, coordenadora de áreas protegidas da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, instituição que administra a reserva.

 

 

Leia também
Lobo guará preto é registrado no norte de Minas Gerais
Lobo-guará ganha livro com fotos e histórias
Quando você é amigo do lobo ele vira até cinema
Um dia na Canastra atrás da loba Luna

 

 

 

Leia também

Notícias
14 de janeiro de 2022

Thiago de Mello, conhecido como o “poeta da floresta”, morre aos 95 anos

Poeta e jornalista amazonense cantou em prosa e verso sua luta pela preservação da maior floresta tropical do mundo

Reportagens
14 de janeiro de 2022

Venenos usados na soja seguem prejudicando a produção de frutas no Rio Grande do Sul

Agrotóxicos contra pragas resistentes ao glifosato contaminam e destroem plantios de uvas e outras economias no estado. Questão aguarda decisão judicial há mais de 1 ano

Análises
14 de janeiro de 2022

Monitoramento do comércio de combustível de aviação ajuda no combate ao crime ambiental

Desregulamentação e desestatização não pode significar abandono total do controle da distribuição e revenda, sob risco de aumentar o descaminho do combustível e sua utilização em atividades criminosas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Diego diz:

    Onde assisto ao filme? O link já era…