Reportagens

Desenho ecológico

Salões de humor trazem toda a criatividade de cartunistas para retratar as mazelas ambientais da atualidade. Estrangeiros ganham competição sobre destruição da Amazônia.

Cristiane Prizibisczki ·
13 de fevereiro de 2008 · 16 anos atrás

A devastação na Amazônia tem sido tema constante na mídia, principalmente depois do anúncio da expansão de suas áreas degradadas. Diariamente, o assunto pipoca em forma de reportagens, notas e editoriais. Isso todos podem comprovar abrindo qualquer jornal ou revista. O que nem todo mundo sabe é que, há vários meses, outro setor da imprensa começou a dar mais importância para nossas florestas: os cartunistas.

O tema da ecologia sempre foi abraçado por artistas. No entanto, o crescimento no número de concursos que exploram o assunto chama a atenção. A lista chega a ser longa: I Salão de Humor pela Floresta Amazônica, I Salão do Humor Ecológico de Campos, I Salão do Humor da Amazônia – Ecologia no traço, todos realizados em 2007 ou nos primeiros meses de 2008.

Além do desmatamento, a falta d´água e o aquecimento global também já se transformaram em imagens vencedoras de disputas internacionais. O objetivo dos concursos, de forma geral, é “chamar a atenção”, “alertar”, “conscientizar”, por meio da arte, para os problemas que o planeta tem enfrentado.

O resultados causam um deleite visual e poderiam ser considerados primorosos, não fossem retratos de uma tragédia. Clique na imagem para conferir o slide-show.

  • Cristiane Prizibisczki

    Cristiane Prizibisczki é Alumni do Wolfson College – Universidade de Cambridge (Reino Unido), onde participou do Press Fellow...

Leia também

Salada Verde
17 de maio de 2024

Avistar celebra os 50 anos da observação de aves no Brasil

17º Encontro Brasileiro de Observação de aves acontece este final de semana na capital paulista com rica programação para todos os públicos

Reportagens
17 de maio de 2024

Tragédia sulista é também ecológica

A enxurrada tragou imóveis, equipamentos e estradas em áreas protegidas e ampliou risco de animais e plantas serem extintos

Notícias
17 de maio de 2024

Bugios seguem morrendo devido à falta de medidas de proteção da CEEE Equatorial

Local onde animais vivem sofre com as enchentes, mas isso não afeta os primatas, que vivem nos topos das árvores. Alagamento adiará implementação de medidas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.