Notícias

Lama tóxica é um risco para Europa

Hungria sofre com altos impactos ambientais por derramamento de resíduos industriais na bacia do Danúbio

Redação ((o))eco ·
11 de outubro de 2010 · 11 anos atrás

Organizações não governamentais alertaram que o derrame de águas barrentas e poluídas na bacia do rio Danúbio,  provenientes do rompimento de uma barragem para armazenamento de resíduos de uma fábrica de alumínio no sul da Hungria, pode causar desastre ambiental mais grave na região do que o vazamento de cianeto na bacia do rio em 2000. A lama, escorrida no dia 4 de outubro, cobriu 40 quilômetros quadrados, promovendo mortes de milhares de animais e contaminação de áreas agricultáveis. Além disso afirmam, que como na Hungria outras barragens representam risco ao leste europeu. (veja mapa no fim desta página)

As imagens de satélite abaixo mostram a área onde está barragem e os campos e rios afetados pela lama tóxica 

Este mapa mostra todos os locais com reservatórios com lama tóxica no Leste da Europa, onde acidentes como o ocorrido na Hungria podem se repetir . Clique nos cursores para navegar 


Visualizar Reservatórios Alumínio em um mapa maior

Leia também

Reportagens
21 de outubro de 2021

Superintendente dá aval para obras que ameaçam habitat de peixe das nuvens cearense

Duplicação de rodovia no litoral do Ceará foi embargada pelo Ibama em janeiro para proteger espécie de peixe das nuvens ameaçada. Com desembargo, pesquisadores temem pela destruição do habitat já restrito da espécie

Notícias
20 de outubro de 2021

Desmatamento na Amazônia já chega a quase 9 mil km² em 2021, mostra Imazon

Somente em setembro foram destruídos 1.224 km² de floresta, área equivalente a mais de 4 mil campos de futebol por dia. Números sãos os maiores em 10 anos

Salada Verde
20 de outubro de 2021

Em comemoração de seus 10 anos, Onçafari lança concurso de fotografia

Fotógrafos profissionais e amadores podem se inscrever até o dia 14 de novembro. Vencedores terão a oportunidade de fotografar a fauna e flora existentes na sede da Onçafari, no Pantanal

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta