Notícias

O crescimento de Palmas visto do espaço

Construída na era dos satélites, o surgimento e o crescimento da capital do Tocantins pode ser acompanhado através de imagens de satélite. Veja uma animação.

Redação ((o))eco ·
18 de novembro de 2013 · 9 anos atrás

A construção de Palmas, capital do estado do Tocantins, começou no dia 20 de maio de 1989 com o lançamento da pedra fundamental da cidade. No mesmo dia a primeira avenida já era aberta por um trator. Entre os anos de 2000 e 2010 apresentou a maior taxa média de crescimento anual de população, e segundo o IBGE já tinha 242.070 habitantes em 2012.

O que faz de Palmas objeto desta coluna é que, ao contrário de outras capitais brasileiras, o seu crescimento desde a fundação pode ser acompanhado através dos satélites do programa Landsat. Na animação abaixo é possível ver, em uma imagem de 1987, a região antes da construção da cidade. Alguns anos depois, em 1990, as primeiras ruas e avenidas já podem ser vistas cortando o cerrado brasileiro. Em 2004 o lago formado pela barragem da Usina Hidrelétrica de Lajeado, localizada a pouco mais de 54 km ao norte da cidade, faz com que o Rio Tocantins se aproxime de Palmas.

Veja abaixo a animação.

 

Leia também
O crescimento urbano visto do espaço
A presença do homem vista do espaço
As capitais brasileiras vistas do espaço
De Oiapoque até Chuí, as cidades vistas do espaço
Três décadas vistas do espaço

 

Leia também

Notícias
1 de julho de 2022

Em vitória histórica, STF reconhece proteção do clima como dever constitucional

Com placar de 10 a 1, Supremo reconhece omissão deliberada do governo federal na gestão do Fundo do Clima e determina o restabelecimento do mecanismo

Reportagens
1 de julho de 2022

Conferência dos Oceanos traz saldo de acordos, investimentos e novas promessas

Evento organizado pelas Nações Unidas reuniu líderes globais ao longo de cinco dias e contabilizou um total de 10 bilhões de euros acordados para investimentos na economia azul

Reportagens
1 de julho de 2022

Projeto “Trilhas de Criança” reúne famílias para dia na natureza em Santa Catarina

Atividade ocorre uma vez por mês em Florianópolis, com inscrição gratuita. Evento busca possibilitar experiências afetivas no meio ambiente

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta