Notícias

Os parques de Curitiba

Leitor Valter Aguiar criou site para divulgar a beleza das áreas verdes da capital paranaense. Veja fotos.

Redação ((o))eco ·
29 de junho de 2010 · 11 anos atrás
 
Passeio de trem em Curitiba: vista da Serra do Mar.

O que mais me chamou a atenção em Curitiba sempre foram os parques urbanos. É impressionante como a Cidade conseguiu encaixar bolsões de verde entre a selva de pedra de todas as capitais.

A experiência de contato com a natureza no meio da cidade foi tão importante que eu precisava expressá-la para as pessoas. Foi andando pelos parques de Curitiba que veio a ideia de lançar um site mostrando os parques e também as praças da capital do Paraná: Parques e Praças de Curitiba (www.parquesepracasdecuritiba.com.br).
 
As fotos dos meus passeios estão todas lá. O site não é comercial (não incluí nem anúncios do Google), o objetivo é apenas de mostrar os parques/praças e prestar serviços com as listas de teatros, museus, cinemas, linhas e terminais de ônibus etc.
 
Também está lá o meu passeio preferido fora dos parques: o passeio de trem de Curitiba para Morretes! A Serra do Mar vista das janelas do trem é simplesmente inigualável!

(Valter Aguiar)

O Bosque do Alemão, parque de Curitiba

 

Praça Eufrásio Correia, Curitiba

Leia também

Notícias
26 de novembro de 2021

Informação obtida via LAI revela que MCTI recebeu dados do desmatamento em 1º de novembro

Ministro Marcos Pontes disse que dados não foram publicados antes da Conferência do Clima porque ele estava de férias. Agenda oficial registra férias entre 8 e 19 de novembro

Notícias
26 de novembro de 2021

Jornalismo digital brasileiro se une em campanha de financiamento

Ação reúne 26 organizações com objetivo de arrecadar doações para fortalecimento do jornalismo digital de qualidade

Reportagens
26 de novembro de 2021

MPF pede anulação da Licença de Instalação do Linhão Tucuruí na terra Waimiri Atroari

Ação aponta que União e a Transnorte agem ilegalmente no licenciamento da obra. Autossuficientes em energia elétrica, os Waimiri Atroari são contra o empreendimento e sentem “a floresta sangrar”

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta