Notícias

Aberto edital para conservação de florestas tropicais

A partir desta terça-feira, 18 de outubro, edital do Funbio dará à organizações sem fins lucrativos a chance de realizar seus projetos de conservação.

18 de outubro de 2011 · 10 anos atrás
Você tem um projeto para salvar a Caatinga? Ou restaurar uma faixa da Mata Altântica? Se a resposta é sim, talvez esta seja a sua chance de tirá-lo do papel. O Fundo Brasileiro para Biodiversidade (Funbio) abriu nesta terça-feira, 18 de outubro, edital para apresentação de projetos de conservação, manutenção e restauração de biomas brasileiros que se enquadrem nos seguintes temas prioritários: Áreas Protegidas, Manejo de Paisagem, Capacitação, Manejo de Espécies e projetos Comunitários. As propostas vencedoras receberão um investimento total de R$16,5 milhões para aplicação, em 36 meses, de seus projetos. Poderão participar da seleção organizações não governamentais brasileiras, associações e outras instituições sem fins lucrativos, com trabalhos voltados para meio ambiente, florestas ou povos indígenas, e instituições de pesquisa e ensino que tenham trabalhos sobre conservação da biodiversidade. As inscrições vão até o dia 07 de novembro. Veja mais informações e o edital no site.

Leia também

Salada Verde
21 de outubro de 2021

Polícia Civil do Maranhão prende um dos homens que matou onça preta e se gabou nas redes sociais

Corpo do animal abatido foi filmado por três homens, que comemoraram o feito. O homem preso também será multado pelo Ibama.

Reportagens
21 de outubro de 2021

COP26 – Brasil tentou minimizar impacto das emissões da pecuária em relatório do IPCC

País também defendeu que aumento do desmatamento não é resultado da política atual brasileira. Outros países fizeram lobby para mudar relatório climático.

Reportagens
21 de outubro de 2021

Estudo aponta diretrizes para barrar a degradação acelerada de campos e savanas

As chamadas grasslands estão ameaçadas em todo o planeta, alerta um grupo internacional de pesquisadores. Solução envolve restauração e busca de alternativas de exploração econômica sustentáveis

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta