Salada Verde

Pássaro no quintal

Leitora envia fotos de espécie com penas cinzas e longo bico esverdeado. Leitores ajudaram a identificar a ave: uma saracura. Veja fotos.

Salada Verde ·
19 de fevereiro de 2010 · 12 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
 

A leitora Izabella C. Fioramonti, de Ribeirão Preto, enviou a O Eco as imagens deste belo pássaro encontrado em seu quintal. Vejam a mensagem dela:

“Nesta noite meu marido encontrou uma ave no quintal de casa ela estava nervosa por não conseguir voar alto a ponto de ultrapassar o muro. Então eu a peguei e tentei acalmá-la para poder soltá-la. Quando a peguei, fiquei surpreendida com tal beleza, algo que jamais tinha visto, ela era pequena, com garras grandes até parecendo ser grande demais para seu tamanho, as penas eram pretas meio acinzentadas, macias e brilhosas, e o que mais me chamou atenção é que seu bico comprido e fino era de um verde lindo. Quando a aconcheguei em minhas mãos, ela se acalmou e então, próximo a uma cerca que separa a rua de uma pequena mata, a coloquei e, calmamente, ela saiu voando.

Por favor vocês amantes e conhecedores poderiam me informar que ave é esta?”

E então, ornitólogos, alguma dica para Izabella?

Leia também

Notícias
26 de novembro de 2021

Informação obtida via LAI revela que MCTI recebeu dados do desmatamento em 1º de novembro

Ministro Marcos Pontes disse que dados não foram publicados antes da Conferência do Clima porque ele estava de férias. Agenda oficial registra férias entre 8 e 19 de novembro

Notícias
26 de novembro de 2021

Jornalismo digital brasileiro se une em campanha de financiamento

Ação reúne 26 organizações com objetivo de arrecadar doações para fortalecimento do jornalismo digital de qualidade

Reportagens
26 de novembro de 2021

MPF pede anulação da Licença de Instalação do Linhão Tucuruí na terra Waimiri Atroari

Ação aponta que União e a Transnorte agem ilegalmente no licenciamento da obra. Autossuficientes em energia elétrica, os Waimiri Atroari são contra o empreendimento e sentem “a floresta sangrar”

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta