Fotografia

Parque Estadual da Serra da Tiririca

Com 412 metros, a Pedra do Elefante é maior que o Pão de Açúcar, o que proporciona uma vista deslumbrante da praia de Itaipuaçu. Foto: Andreia Fanzeres

Redação ((o))eco ·
27 de fevereiro de 2012 · 10 anos atrás
Esta vista da praia de Itaipuaçu é a recompensa pelo esforço de encarar uma hora e meia da caminhada até o topo da Pedra do Elefante, localizada no Parque Estadual da Serra da Tiririca, no Rio de Janeiro. Com 412 metros, o chamado “Alto Mourão” é maior que o Pão de Açúcar, e de lá é possível admirar a baía de Guanabara, a estátua do Cristo Redentor e as montanhas do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. Criado em 1991, o parque logo foi reconhecido pela Unesco como Reserva da Biosfera da Floresta Atlântica, contando com mais de 350 espécies vegetais e 130 espécies de aves.

Leia também:
Tem jeito (2005)
 

Leia também

Análises
27 de janeiro de 2022

Um lugar para as onças da Mata Atlântica na Década da Restauração

A Mata Atlântica é um pacote completo, com onças e tudo; é preciso urgentemente nos conscientizarmos que uma floresta sem bichos não tem futuro

Colunas
26 de janeiro de 2022

O que você levaria se tivesse que abandonar sua casa em 1 minuto?

Migração forçada por causa de fatores climáticos serão cada vez mais frequentes e atingirão mais pessoas. É preciso focar em políticas públicas para mitigar seus impactos

Reportagens
26 de janeiro de 2022

Especialistas criticam medidas de curto prazo adotadas contra a estiagem no Rio Grande do Sul

Governo estadual e representantes do agronegócio pedem recursos para cobertura de prejuízos, abertura acelerada de poços artesianos e até barramentos em áreas de preservação permanente

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta