Análises

Tiro pela culatra II

Redação ((o))eco ·
18 de julho de 2008 · 14 anos atrás

De Demétrio Luis Guadagnin

Caro Aldem:

Acabo de ler sua matéria. Parabéns pela iniciativa e pelo resultado. A matéria ficou muito boa.

Me permito apenas uma correção: A ONG União pela vida não é ambientalista, mas “protetora dos animais”. A diferença é importante. Os protetores dos animais não são reconhecidos como ambientalistas pela próprio movimento ambientalista. Protetores dos animais não se preocupam com populações, mas apenas com o sofrimento de indivíduos; não se preocupam com a biodiversidade, mas apenas com algumas espécies carismáticas, e de um modo geral não distinguem fauna silvestre e fauna exótica, estas últimas consideradas como ameaças à biodiversidade pelos ambientalistas (por exemplo, defendem cães, gatos e animais de tração do mesmo modo que defendem baleias e papagaios, sem perceber diferenças). De um modo geral, as preocupações dos ambientalistas se opõe às dos protetores dos animais. Estas diferenças não acontecem apenas no Brasil – já são objeto de investigação no campo da ética em escala planetária. À título de ilustração, anexo um interessante texto sobre a polêmica.

Leia também

Salada Verde
19 de agosto de 2022

Coritiba apresenta seu programa de meio ambiente

Clube reformulará o tratamento de resíduos no estádio Couto Pereira e no Centro de Treinamento, além de anunciar criação do “Nossa Identidade Verde”

Reportagens
19 de agosto de 2022

Comitiva flagra descumprimento de decisão judicial na Baía de Sepetiba

Denúncias já foram levadas a órgãos públicos estaduais e federais e também serão encaminhadas à ONU por violação de direitos humanos e salvaguardas ambientais

Notícias
19 de agosto de 2022

Ministério Público vai investigar legalidade da carne vendida por 11 frigoríficos em MT

Mesmo passados 13 anos da criação do TAC da Carne, empresas ainda não são signatárias do acordo. Estado tem o maior número de cabeças de gado do país

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta