Salada Verde

Surpresas na calada da noite

Quem surpreendeu na noite de ontem foi o agora ex-ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci.Depois de Cerimônia no Planalto, pediu demissão

Redação ((o))eco ·
8 de junho de 2011 · 13 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Por falar em comportamento público, quem surpreendeu na noite de ontem foi o agora ex-ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci. Durante a cerimônia no Planalto, posicionado ao lado de Dilma Rousseff, da ministra Izabella Teixeira, do ministro Antônio Patriota e do subsecretário-geral da ONU, Sha Zukang, o ex-braço direito da presidente era todo sorrisos, falando ao pé do ouvido de Izabella e da própria Dilma. Alguns estranharam Palocci ter sido o único sentado à frente do evento que não teve um pronunciamento próprio. À noite viria a resposta: o ministro pediu demissão do cargo, deixando caminho livre para a presidente convocar a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), uma das defensoras, dentro do partido, das ideias do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP) sobre o Código Florestal Brasileiro. Baseado em mais uma promessa pública volumosamente aplaudida na manhã de ontem, pergunta-se: e o veto, Dilma, sairá mesmo?

Leia também

Notícias
22 de julho de 2024

Paul Watson, fundador do Greenpeace e protetor de baleias, é preso na Groenlândia

Ambientalista foi detido por agentes da polícia federal da Dinamarca, em cumprimento a mandado de prisão do Japão; ele partia da Irlanda para confrontar navio baleeiro japonês

Salada Verde
22 de julho de 2024

Encontro de alto nível sobre ação climática reúne ministros e líderes de 30 nações

8ª Conferência Ministerial sobre Ação Climática (MoCA), realizada este ano na China, tem objetivo de destravar discussões que ficaram emperradas em Bonn

Notícias
22 de julho de 2024

Ministério Público investiga esquema de propina em órgão ambiental da Bahia

Servidores, ex-funcionários e outros investigados teriam recebido até R$ 16,5 milhões de fazendeiros para facilitar concessão de licenças ambientais

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.